Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

BRINCANDO DE BONECA, MAMANDO DE VERDADE II - A PROSTITUIÇÃO

Click to Download this video!

Estava com 19 anos quando fui passar o final de semana na casa da minha prima Luisa. Já estava com o corpo formado, seios desenvolvidos, quadris largos, mas ainda era magra para a minha idade. O que mais me incomodava nem era ser magra, mas ter as pernas finas. Mesmo assim era bonita, tinha um rosto de boneca o que me ajudou muito futuramente. Luisa com os seus 19 anos era tudo o que um homem queria, umas coxas bem torneadas, uma bunda maravilhosa e seios grandes, duros, poderosos. Era a sensualidade em pessoa, eu me orgulhava muito dos finais de semana em sua casa. Assim que cheguei, Luisa me disse que teríamos algo especial para fazermos à tardinha, iríamos a casa de um senhor vizinho dela que morava no final da rua. Perguntei o que faríamos lá e ela cochichando disse-me que ela pagaria 50 reais para ver nás duas transando. Achei que era brincadeira dela, mas ela disse que o velho era tarado por garotas transando e que ela ia algumas vezes a casa dele e recebia 20 reais sá para ser chupada! Topei a brincadeira, transava com Luisa mesmo de graça, se ganhasse uns trocados, que mal poderia haver nisso?! à tardinha nos arrumamos, Luisa foi de saia e blusinha e eu de vestidinho. Disse a minha tia que iríamos ao shopping bater perna. Saíamos, passamos em frente a casa do coroa, mas não entramos, demos a volta na rua, paramos na esquina e ficamos disfarçando ali. Uma luz piscou na sala, era o sinal para entrarmos, Luisa puxou-me pelo braço e entramos. O tal velho era uma coisa horrorosa! Barrigudo, pelancudo, poucos dentes na boca, por volta dos seus 65 anos, não era de se admirar que tivesse que pagar para ter "companhia"! Se chamava Bartô, olhou-me com desejo e estremeci em pensar naquele velho me tocando, logo eu que não tive nenhuma relação sexual com homem algum, apesar de não ser mais virgem. Fomos para o quarto do coroa que já foi logo tirando a roupa e sentando numa poltrona que ficava em frente a cama. Luisa devagarzinho foi se despindo na frente do velho e eu constrangida com a presença dele, tirei o vestido logo de uma vez. Deitamos na cama, Luisa me beijou gostosamente de língua, enfiou um dos dedos na minha xoxota que já estava molhada, tirou os dedos melados e chupou lentamente, sugando todo o melzinho que havia neles. Desci minha boca nos seios duros, chupei com vontade, modisquei, suguei aquela delícia! Luisa segurava minha cabeça enterrada em seus seios e forçava a minha boca a descer até sua xoxotinha toda depiladinha. Desci a cabeça e enfiei minha língua na sua xoxota e um dos meus dedos no seu cuzinho. Luisa gemia, se contorcia toda, pressionava minha cabeça para que eu metesse cada vez mais a língua na sua xoxotinha. Com uma das mãos livres ela mesmo acariciava seus mamilos duros de tesão. Meu grelinho inchado, pedia urgentemente a língua de Luisa. Esqueci completamente o velho sentado na poltrona e suguei todo o gozo que já escorria da xoxotinha de Luisa. Ela gemia descontroladamente, mais até que das vezes anteriores. Fiquei de quatro para que Luisa enfiasse a língua no meu cuzinho e com os dedos metia e tirava da minha xoxota. Luisa não sá metia sua língua gostosa no meu cuzinho, mas lambia e mordia cada parte que alcançasse. Eu rebolava na cara dela e sentia as pernas tremer, queria gozar logo. Luisa tirou a língua e enfiou os dedos delicadamente em mim. Primeiro dois dedinhos, depois o terceiro e por fim a mão inteira dela fechada já estava dentro de mim, me socando, me rasgando por dentro, que delícia! Senti uma dorzinha gostosa, uma sensação de puro prazer. Gozei, gemi, gritei. O velho saiu da poltrona de pau duro e gozou em cima da gente! Um jato de porra escorreu pelas minhas costas, já que eu estava de quatro, respingou também na cara da Luisa. O velho insatisfeito ainda, enfiou aquele pau horroroso na boca da Luisa e ela sem se importar chupou com vontade! O velhinho se contorcia todo, pensei até que teria um troço! Mas não houve outro jato de porra, a brincadeira terminou por aí. Nos vestimos, Luisa cobrou mais 20 reais por ter chupado o pau do coroa e saímos de lá com 70 reais no bolso, o que para mim era dinheiro, já que não recebia um centavo dos meus pais de mesada. Fomos para o shopping e torramos o dinheiro lá. Achei tão fácil ganhar o dinheiro, não precisava nem tocar no velho, acabei voltando outras vezes. Esse foi o primeiro episádio que levou-me a prostituir-me tempos depois.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Sou casada Minhas filhas me viram sendo fodida contocontos de siririca de mulher acima dos 60 anoscontos eroticos pastor safadocontos eroticos embebedou e comeu a casadinha carenteReguinhocontossexo.pirralho.fode.a.sogra.do.irmaocontos eroticos com escravas sendo humilhadacontos eróticos jogos de sedução mãe e filhocontos eroticos relatados por mulheresdei o cu po meu pone contos eroticos pornocontos eroticos tirei o cabacinho daminha afilhadaconto erotico meu marido quis provocar o porteiroconto erótico de casada que chegou em casa completamente arrombada e o marido percebeucontos eroticos no interior na roçame casei com um cornocontos eróticos sogra pediu pra ver minha rolaconto de casada tarada ppr machoconto erotico me comeram sem piedadeConto erotico netinha pedi pra o avo deita e esquentalo contos heroticos gay meu primo de dezessete me comeu dormindo quando eu tinha oito anoscontos eróticos marido Cafajesteso os melhores contos de gay sendo aronbado varias vezes por pau bem grosso contos eróticos de bebados e drogados gaysHetero comeu o gay contosTennis zelenograd contocontos eroticos vi minha esposa chupando outropapai disse que me ama contos eroticosContos eroticos de podolatria com fotos chupando pes de mulheres desconhecidascontos punhetei meu irmao gemeo quando ele dormiaconto erotico eu meu marido e minha mae sexo no moteuconto erotico na sala de aulaMARIDO PÉ DE MESA CONTOS EROTICOS VERDADEcontos de coroa com novinhoconto madrasta fudida a forçacontos de zoofilia em bordeisSou gay e tranzei com um travest contos eroticoConto de casada nao resistiu a pica do vizinhocache:FPfKk_mm7mAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_9_9_zoofilia.html Contos de corno com fotosmenina menor senta de perna aberta pAimetecontos porno de comeram minha namoradaminha namorada com o priminho contostinha perder sua coroa no seu pau do negrãocontos eróticos garota de ruameu marido bebeu e convidou meu cunhado pr durmi em casa e mi comecasadeconto heteroconto erotico virei cadela barconto erotico estupro sequestro sadomasoquistacontos gay - um viadinho estuprado muita dor humilhadoConto eritico meu pau n cabia na minha irma entrou e deixo td arrombadacontos de gay passivo dando pro machoMimha vizinha gostosa de short de lycra curto preto contosconto de cunhada que viciou emdwr o cutirando virgindade de menina Londrina Paranácontomeu pitbol mim raboucontos eroticos chantagiei e gozei na boca da menininhacontos erotico no acampamentocontos meu filho adora minha bundacontos eroticos que corpasso ,bunda coxas grossaschupando uma bct de novinhas dormindo indefesasensinei meu sobrinho a bater punhetasou uma putinha gostosa da familiacontos erotico gay quando mim focaraoconto erotico casada biquíniflagrei minha maé com socio de meu pai contosConto erotico tia 60ano safadafalei pro meu amigo que queria ver ele fodendo a minha esposaContos eróticos putaría no casamento noiva fode com todos os seus padrinhoscontos ninfeta provocando com shortinho socadocontos gay com o amigo do meu namoradomamando na velha contosCuzinhosaDei o Cuzinho Na Cadeia e Depois pro Pastor Contos Eroticoscontos de cú por dinheiroFoderam gente contos tennspretinha choradomuito pornolconto erótico casada arrependida na noite de carnavalsou puto e dei meu cuconto erotico o taxista negaocontos eróticos no cu com cachorrohistorias heroticas brexando a filhaMae e filho transa junto marido e do cunhado vendo tv na sala abaixar downloadsgoza nuoutro egravidame exibi puta contos eroticosconto erotico sodomizando a bucetavideo safadecacontos eroticos gay aposta com meu paicontos eroticos nane descomunalporn dpois de ir a padaria com o visinhocontos eroticos: menina por desconhecidoContos erroticos com fotos eu e minha loirinha e um negro 32cm parte 2escurdo bucetona arreganhada foto delaseu tava de short meu namorado ralou o pal em cima da minha buceta buceta de cajaraSexxu videu erica cazada jua da baiaMinha tia coroa mostrou seu bucetao peludo contosconto sou amante da sogra casada