Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MEU MARINHEIRO SUECO

Fui passar férias no rio de janeiro e no começo tudo naquele marasmo, piscina, hotel, praia e hotel de volta, até que comecei a perceber na piscina um cara novo, loiro, alto, forte usando uma sunga não muito grande que deixava seu pau deliciosamente bem marcado, pronto eu não tirava mais os olhos dele, comecei a sentar bem perto da mesa dele no café, no almoço, o tempo todo, quando soube que ele era gringo de férias comecei a andar com um guia das praias e não deu outra ele veio puxar conversa num inglês perfeito, me perguntou quais eram as melhores praias pra se conhecr etc, a conversa rendeu e almoçamos juntos eu sempre de olho naquele pau delicioso, ficamos amigos e desde então íamos para todo canto, jantamos e ele saiu, fui dormir e tomamos café da manhã juntos, em seguida fomos pra praia, eu já imaginando como faria pra agarrar aquela rola deliciosa, babava sá de pensar, cada vez que ele se mexia era um sufoco, acho que ele percebeu, não tinha como não perceber, tanto que no dia seguinte ele me perguntou se eu conhecia alguma praia mais deserta que desse pra ficar nú, eu respondi que não, mas que iria ver no guia, não deu outra foi rapidinho, foi sá aí que ele me disse que era sueco e que estava de féria da marinha. No dia seguinte lá fomos nás pra tal praia, ele logo ficou nú numa boa e eu engoli seco ao ver aquela rola monstruosa sendo colocada pra fora, meio adormecida, nem dava mais pra disfarçar, mas tinha mais gente na praia e eu disfarcei, ele ficou na dele, mas eu sempre que dava encarava aquela rola louco de vontade de cair de boca, mas me contive, ficamos por lá até o final da tarde já não tinha mais ninguém na praia, mas eu continuava sá encarando o mastro, achando que ele não tinha sacado nada ainda, quando eu dei uma fechada nos olhos ele voltou do mar, ajoelhou e colocou a rola na minha cara, esfregando ela como um pincel e dizendo que percebeu que eu gostava de rola, não neguei mas disse que ali era muito perigoso, mas ele insistiu e eu dei uma pequena chupada no seu pau, o gringo pirou me arrastou pra trás das pedras e queria me foder ali mesmo, até tentou mas não dava, não entrou seu pau era muito grande e grosso. Então voltamos pro hotel e fomos direto pro seu quarto, lá sim o bicho pegou assim que a porta fechou ele já foi me pegando e tirando minha roupa dizendo que não aguentava mais de tesão e que ia me foder ali mesmo, aajoelhei e caí d eboca naquela rola maravilhosa, mal conseguia por na boca de tão grossa, mas ele socava cada vez mais, dizia que tinha que engolir tudo, que era assim que ele gostava, tirou seu pau da minha boca e me mandou chupar suas bolas enquanto punhetava a rola na minha cara, nunca tinha visto nem chupado uma rola tão grande, grossa, dura e pentelhuda, tudo nele era grande, devo ter engolido muito pentelho sueco, até que ele me jogou na cama de quatro abriu minha bunda cuspiu nela, uma cusparada daquelas que fazem barulho e me mandou morder o travesseiro porque ele gostava de por tudo de primeira e não deu outra, ele me segurou pelos ombros me mandou abrir o cu com as duas mãos e me puxou com violência, senti meu cu rasgando todo, senti o sangue que escorria, mas ele não parava de meter, e metia gostoso quando a dor foi diminuindo é que eu comecei a sentir tesão, e que tesão, aquela rola maravilhosa entrava e saía toda do meu rabo, da minha boca sempre com força não demorou pra ele começar a esporrar no meu cu e que esporrada eu sentia cada golfada que o seu pau soltava quente como lava, não cabia mais nada lá dentro e começou a escorrer pelas minhas pernas, ele então lambuzou seu pau naquela porra e me fez chupa-lo todinho, depois pegava o seu gozo com a mão e esfregava na minha cara deliciosamente, no que eu chupava tudo é claro deixei sua rola e sua mão limpinha, depois íamos tomar banho onde é claro sempre rolavam uma sacanagens do tipo dá mais uma chupadinha, ou três ou quatro dedos no meu cu, mais umas estocadas até ele se cansar e terminar mijando em cima de mim, principalmente na car, ele adorava me ver beber, ficamos assim até o fim das férias, metíamos todo dia, meu cu e minha boca já se moldaram naquela rola deliciosa, tudo era motivo pra trepararmos ou pra uma gozada na cara, de um jogo de cartas a um filme na tv. Mas a coisa não ficaria sá nisso porque conhecemos um negro americano, jogador de basquete universitário que também chegou no hotel, agora as trepadas seriam a três, e sá posso adiantar que a primeira vez que fiquei de quatro entre essas duas rolas tive medo de morrer sufocado, mas isso eu conto depois....

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos mulher coloca silicone no peito e marido vira cornocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacrente viciada em engolircontos eróticos jogando com a amigacontos eróticos faZer o que se comer titia é gostosoxconto me beija corno estou com porra de outroaquela pessoa pirocuda da salacastigocontoseroticopezinhos suados da minha mae contos eroticocontoseroticos foi fuder no mato e foi comida por malandroscontos amante da diretora casadaConto erotico de evangelicascontos de encesto marianaconto erótico quando Joel me comeuwww.contos de a primeira gozada no incestopeoes de rodeio batendo punheta escondidoContoseroticoscomsogropornobuceta.com/homens so quer saber de mamar em peitoes das safadascontos eroticos,minha sobrinha cresceucontos eróticos gay Proibidos - Desde Cedo no meu maninhoContos Eroticos dos Africanoscontos eróticos com menininhas de 10conto gay me comeram dormindoRelato transei com uma gostosa chamada fabianaGostaria de ver contos eroticos de adolestentescontos mae crente babando no pau do filhoconto gaguei mas gostei de dar o cucontos eroticos gays viagem de ferias para fazenda com dotadocontos buceta completamente peluda irmã de calcinha pela casaesposas depiladas na picina contoscontos eroticos de professoras maduras casadas que metem com os alunos novinhosBrincadeira na piscina com meu irmao poran vedeosParaíba putinhocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos mulher infiel marido atento incestoConto erotico tarado roludo adora chupar bucetinha de ninfetinha com cheiro de xixicontos eroticos- seu jose comeu minha namorasaIniciada desde pequena conto eroticohomem sendo estrupado en oficinafilha ve o pai.tomando.bamho e fica com tesaocontos eroticos de cdzinhavideornposscontos eroticos. esposo duvidou da esposacontos eroticos meu amigo nos embebedo para comer minnha esposaconto erotico de shortinho com a buceta inxada na casa da vizinhacontos forçada a virar cadelacuzao frouxo da mamae contos fotocontos eroticos negao no cinema corno lambe porracontos eróticos eu e minha amiga transamos na baladapornoxota video casada fudendo com serventecontos eroticos minha baba gostosa perdendo minha virgindadecasada que gosta de apanhar traindo porno contomora Nana bem gostosa da bundona bem grandes eu dental bem deliciosa nécontos pornô casal fudendo com a empregadinhaporno gorda pula em cima do rosto da amigaTennis zelenograd contoconto ele ficou sabendo do tamanho da bucetaconssegui um cabacinho pro meu cunha do tira contofoi no estoque da enpresa que trai meu marido conto eroticoSogro gay conto eroticoConto erotico gostosao fas cuceta gay calcinhavideos de mulheres mamandoleitee no peito da outracontos de cú de irmà da igrejacontos tomei no cu gostosominha cunhada tinha coriosidade sobre o meu pau se enprecionoueu e meu marido iniciando uma menibinha contocontos de comi o cuzinho apertado de uma Neginho novinhocontos sarro gostoso com meu genrocontoseroticos/reconhecendo o encochadorconto erotico estuprada a dona florindaconto gay pm com pmdei pra um estranho num baile e meu marido viu conto eroticocontos eróticos com animaisContos eroticos mulher do pastocontos eu marido na prai de nudismosexo e esganaçaocontos eroticos vi minha namorada chorarconto erotico sou bem extrovertido e acabei comendo uma mulher muito bonita e bem gostosaConto erotico dona casa velha carenteconto.erotico.metendo.na.esposa.do.vaqueirocontos eróticos mulataconto erotico minha prima malvadacomeçando se transformar travesti .. encarando pau enormecasa erótica gato na luzpagamento da terceira parcelacontos eroticos ela não queriahomem colocou sua picA ENORME NA XOTA DA CABRITA ENFIO TUDOcontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaContos de mulheres, fudendo com seu avô