Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA PRIMEIRA AVENTURA SEXUAL...

Click to Download this video!

Adoro sexo! Mas sempre fui reservada e com uma vida metádica e certinha. Vivia de fantasias e masturbação... Trabalhava em uma empresa onde a amioria era de mulheres. Poucos homens. Mas, havia um que levantava suspeiros e despertava desejos de todas as mulheres. Ele tinha 1,98m, corpo sarado (daqueles que a gente sá vê em modelos famosos), negor como o ébano. Dentes perfeitos, educadíssimo e sedutor. Todas flertava e tentavam sair com ele,mas ele mantinha o profissionalismo. Eu? Tenho 1,55 m. Extremamente branca, cabelos lisos e castanhos claros. Olhos castanhos, pequenininha, seios arredondados, fartos, firmes e rosados...Toda depilada (toda mesmo!!). Mas o que ninguém percebia era como eu sou gostosa, afinal, usava roupas formais e discretas... Agora chega de apresentações. Vou direto ao fato...rs Um dia precisei subir ao porão para procurar alguns documentos, era onde ficavam arquivados os documentos de anos anteriores. Haviam poucas pessoas no trabalho. Era véspera de evento e sá estávamos em quatro pessoas. Ninguém se prontificou a ajudar, afinal, era muito chato verificar caixas e pastas...Me preparei para um longa tarde... Depois de uns trinta minutos, já irritada por ver anta desorganização, ele entrou... Com um sorriso lindo disse que iria me ajudar. Fiquei contente, afinal, sendo duas pessoas o serviço sairia mais rápido. Nesse dia eu estava de saia e camisa...Sorte, né?...rs Quando subi em uma escada para apanhar umas pastas no alto, ele se aproximou e me segurou pelos quadris alegando que era para eu não cair. Meu corpo estremeceu e ele percebeu. Seu sorriso abriu-se mais ainda....Ele desceu com as mãos e levantou minha saia. Ficou alisando e tocando meu bumbum... Depois começou a beijar, lamber....Desci da escada e ele me olhou perguntando se havia passado dos limites..Respondi prontamente que não, que queria que ele continuasse. Ele me pegou, nunca me senti tão pequena e leve. Enlacei-o com minhas pernas...Caminhou até a porta e a trancou... Com um único movimento jogou os documentos de cima da mesa para o chão...Deitou-me sobre ela...Minha saia já estava levantada. Ele afastou minha calcinha ecomeçou a me lamber. enquanto fazia isso, ao mesmo tempo desabotoava minha camisa...Eu gemia de prazer...aquela lingua quente me penetrando com suavidade....Uma delícia que sá aumentava meu desejo...Queria mais, muito mais. Nem me importava onde estávamos...Sentei sobre a mesa e ele ficou me olhando interrogativamente. tirei minha roupa, queria me livra de tudo para vivenciar as sensações que viriam...Ele se aproximou e eu tirei a camisa que usava e elogo a calça. Levei um susto quando vi o pênis dele (me desculpem, mas não sei usar linguagens normasi nesses contos). Era imenso como nunca havia visto. Tinha certeza que não conseguiria me penetrar...Mas isso sá aumentou meu desejo. Logo comecei a beijá-lo, sugá-lo, passava alingua por ele todo. O contraste da cor me excitava. Aquele membro negro em minhas mãos brancas era de um contraste incrível. ele perguntou como eu gostava. Sinceramente não sabia o que responder. Perguntou novamente e complementou se eu preferia mais forte, selvagem ou com suavidade. Eu disse que nunca havia experimentado alg que não fosse suave. ele sorriu e voltou ao que estava fazendo dizendo que logo iria descobrir. Voltou para minha vagina, lambendo, sugando suavemente até me lambuzar toda, depois começou a sugar com força, mordendo levemente. Iso me levou à loucura. Ele começou a morder mais e mais e eu pedia com mais força. Ele foi me lambndo toda até chegar aos meus seios...Seus dedos dentro de mim, tocando, beliscando o clítores...Me levando ao delírio...Nos meus seios ele começou lambendo, chupando suavemente e depois repetiu o que fez, começou a morder e eu pedia mais e mais forte..Ficou assim, brincando nos meus seios e na minha vagina que já pulsava de tesão. Quando vi, estava gozando na boca dele...Foi aí que ele se aproximou, me fez lamber o pênis dele, pedindo para eu lambuzá-lo todo. Me colocou de quatro na mesa, com as pés no chão e meu corpo, da cintura para cima sobre a mesa. Encostou a cabeça do seu pênis na entrada da minha vagina. Ele mal cabia. Ele começou a esfregá-lo nela. meu corpo inteiro estava em fogo. Ele precionou e entrou um pouquinho, gemi de dor e prazer. Ele virou e disse: Como você quer? Eu estava com vergonha de responder e disse: como você quiser. Ele sorriu e disse: Peça! Quero ouvir. Eu disse, quero tudo. Ele falou, devagar ou de uma vez. Eu disse. me violente, me domine, tudo, agora! Já estava no ápise do tesão. Ele se posicionou, se deitou sobre mim imobilizando meu corpo, colocou sua mão sobre minha boca e disse no meu ouvido: Agora você pode griatar o quanto quiser, porqu não terei dá. Irei possuí-la o quanto eu quiser e não poderá fazer nada. mal terminou de flalar, nem me deu tempo para reagir ou raciocinar, me posuiu de uma sá vez, com força, colocando tudo. Gritei de dor,tentei me soltar, mas era impossível. Ele começou com movimentos fortes, intensos, mordendo suavemente meu pescoço, dizendo para eu não me preocupar que não ficariam marcas. Quando sentiu meu corpo relaxar, suvisou o peso sobre mim e continuou em um movimento intenso. Com força, intensidade e muita sensualidade. eu gemia, enlouquecida. Me movimentava e ele percebeu que já não sentia dor, que podia ir mais além. (eu pensava que tinha tinha ido tudo!)Ele se posicionou de pé, pegou a cueca, fez um pequeno rolo e pediu para eu colocar na boca para morder. Não entendi mas fiz. Ele pegou-me pelos cabelos com uma mão, a outra posicionou sobre minhas costas para forçar meu corpo sobre a mesa, então foi aí que senti o quanto ele era grande, ele puxou meu cabelo com força e enfiou tudo dentro de mim, ele sá havia colocado metade até então. Precionava meu corpo para baixo, eu não tinha como me levantar. Foi um prazer incrível!! Ele puxava meus cabelos e se movimentava dentro de mim com mais força e mais rapidamente, começou a me chamar de gostosa, de putinha branca, dizia que iria me comer sempre, eu enlouquacia e explodi em gozo. Quando ele percebeu gozou e senti aquele líquido quente dentro de mim...Senti a força que ele jorrava. Ele descansou sobre mim....Beijou minhas costas suavemente. Depois de alguns minutos levantou-se, foi ao lavabo e voltou vestido. Eu ainda estava na mesma posição, acabada, pernas bambas. Ele se aproximou e disse: Quando quiser ajuda é sá chamar e saiu. Levei algum tempo para assimilar tudo, fui ao lavabo, me vesti e eme recompuz. Lágico que ele me "ajudou" diversas vezes a procurar documentos...rs Depois dele, comecei minha vida de aventuras sexuais, experimentei mulheres, outros homens...Com minha cara de santinha e comportamento, ninguém acreditaria. mas contarei para vocês. Sempre poderão ler minhas histárias...Afinal, quem sabe o que poderão aprender com elas, não é. sou Kyra e contarei tudo para vocês. Beijos

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casahttp://zoofilia deixei o dog meter na minha filha.contosconto erótico de casada que chegou em casa completamente arrombada e o marido percebeucontos eroticos gay iniciadocontos minha esposa me ligou avizando que ia levar varaContos eroticos mamae e filha gulosa chupando o pauzao do seu filho e de cinco amigos dele em uma putaria na piscina de casaseleção de traverti com pau todo no cu gozado na ponhetacache:EnM_VFS8--EJ:tennis-zelenograd.ru/m/conto_16490_primo-do-interior.html o maravilhoso mundo das bucetas tesudas gostozissimas ufa que deliriozoofilia casada conto xacrafudendo com baixinha bucetuda comtosSempre passo o dedo no grelinho da minha netaenterrei tudonabucetinhabucetinha lisinha e meladacontosOs travestis qui São quaz mulhercontoscomsograscontos tive orgasmocontos eróticos de Zoófila - empregada foi amarrada e castigadacontos senti aquela boca quete n minha bunda era meu padrastover travesti dano o cu pra sincaras r chupano pimtocache:http://okinawa-ufa.ru/conto_20940_assalto-no-condominio.htmlcontos sobrinha veio cuidar da sogracontos eróticos professor e alunaSou casada e fui comida pelo pedreirovídeo porno mulhercoloca um vibrado na buceta antes de ir trabalharConto erotico gay homem goza usando.vibradorMulher trepano so com caralhudosContos eroticos forçada a dar para um.cavalo na fazendacontos porno de incesto real pai filha e mae juntoscotos icesto mae e corninho aiii vai mete seu safado vou gozarcontos eroticos gay vadiacontos eróticos mulheres mais vadiasContos de coroa sendo chingada e adorandoconto erótico bruna manicuconto porno de amigas casadas fudendo com machos picudos nas feriascontos eróticos da viuvinha peludaSeios grandes e buceta Luisinhacasada se vendendo pro caminhoneiro-contosmeu pai e meu tio me comerammulher louca de tesão gozando no peito na boca o dedo na bocacasada;fodida na África;contos eróticoscontos eroticos tava numa vontade danada de comer um cu e acabei dando o meucontos eroticos chantagem na escolacomedoocuzinho dela bebada dormidoContos eroticos de podolatria com fotos desejando chupar os pes de primas dormindocontos eroticos corno oferecendo namoradahetero chavecando o cunhado xvideTrai meu marido em um swing com a nayara e o fernando contos eroticosnetinha alizada pornodoidoContos erotico exibi meus seios enormes pro entregadorcontos eroticos eu e minha filha somos as putas do bairro e meu marido sabeContos eroticos meu filha de seis anos chupa endidaencontrei minha prima baixinha bunduda sozinha na balada contos eroticoscontos fidi minha cunhadinha de onze anosContoseroticos alegra dos meninosconto erotico de o amigo de meu namorado me comeu na casa dele e ele nao viucontos eroticos -FILHA tarada pelo Paicontos eróticos em cima do carroconto erotico primeiro dominei o maridorelato eróticos violênciaconto erotico gay macho feminizado vira femeafudeno a sobrinha que domiacontos eroticos estuprada no matagau traisaoconto transamos no escurinho da festaxvideo subril comedo atinahumilharam meu namorado contosconto erotico velha morenaContos eróticos - nao aguento mais vou estruparcontos eroticos na rua adrenalinaconto esposa e molequesconto erotico marido perdeuconto erotico do garoto ricardo fodendo titiocontos eróticos, cuzinhoconto de enteadacontos punheta no trabalhodormindo é acordada sendo mastubarda pela madastranuas tomando banho de manteiga gostosocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eroticos,perdi aposta com amiga dei a buceta pro negaoanal com titia solteira depois da praia de nudismo contos fotocontos eroticos chantagemrelatos eroticos eu minha mae e meu amigo pedroFILHA EMPRESTA ROLA PRA MAE CONTOcontos eroticos noracontos eroticos vovo encoxando netacontos de cú de irmà da igrejaContos sou alegria dos coroascontos de lesbianismo no acampamento de escoteirascontos eroticos minha mulher me fez subimisoConto erotico com furia comi o arrigante ate ele choraConto erotico sou vadia maduracontos eróticos de gay O Coroa me deu a bundinhamulher grávida dormindo de calcinha toda melada pornô justofui putinho do padre gayerataogrande que ela pediu pra pararpornoconto eridico puta velhaGozando na boca Abrantes dela chuparcontos eroticos dona zefacontos de cú de irmà da igreja