Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ELE FICOU MALUCO DE TESÃO

Click to Download this video!

Já faz tempo que isso aconteceu... mais de dez anos, quando eu tinha 13. Hoje eu moro numa capital mas nessa idade morava numa cidade do interior, era muito inocente ainda. Tinha ficado apenas com dois meninos e nao tinha feito nda demais.



Do lado da minha casa morava um senhor entre 45 e 50 anos, ele me olhava de uma forma estranha, parecia me comer com os olhos. Aquilo começou a me chamar a atenção e eu fui gostando. Meu corpo estava em formação ainda, mas eu já tinha peitinhos, metade do que são hoje. E o corpo gostosinho como qualquer menina bonita dessa idade.



Uma tia me deu uns shortinhos super curtos, uma vez, eram novos, ela tinha comprado pra outra pessoa mas não deu certo. Meus pais acharam um absurdo o tamanho deles mas acabaram aceitando e mandando que eu sá usasse em casa.



Um dia, estava muito calor, eu estava com um deles e uma camisetinha vendo tv sozinha em casa. Fui tomar água porque estava com muita sede. Meu shortinho ficava cavadinho no meu bumbum e a camiseta deixava minha barriguinha de fora, sá uma pequena parte. Eu olhei pela janela que meu vizinho estava fazendo algo perto do muro.



Não sei porque me deu um tesão. Aquela vontade que a gente tem quando é adolescente que consome a gente toda. Minha bucetinha coçando e ficando molhadinha. Fiquei doidinha e atolei mais meu shortinho até a poupa da minha bundinha ficar de fora e sai dar uma volta no meu pátio como se tivesse algo pra fazer, sá pra provocar meu vizinho e ver o que acontecia.



Fiquei andando e vendo o que ele fazia. Não parava de me olhar. Quando cheguei perto ele disse oi e disse que eu estava bonita. Eu agradeci e dei um sorrisinho. Estava indo pra dentro de casa quando ele me convidou pra tomar uma limonada, por causa do calor. Eu, doida, acabei aceitando e fui até a casa dele. Perguntei onde estava todo mundo e ele disse que estava sozinho.



Preparou a limonada e me deu copo, eu toda hora dava um jeito de ficar de costas pra provocar ele. Fiquei super curiosa quando vi um super volume no calção dele.



Quando me distrai agora foi ele quem estava ficando maluco. Deu um jeito de esfregar o pau no meu bumbum, ficou atrás de mim enquanto passava de um lado da cozinha pro outro. Eu não reagi de jeito nenhum, foi ai que ele voltou a fazer isso. Senti o pau duro na minha bundinha e eu estava gostando. Comecei a rebolar. Ele notou e me chamou de safadinha. E eu adorei isso.



Ele tinha uma barriga um pouco grande, pegou minha mão e levou até ela e foi baixando, até eu pegar seu cacete por cima do calção. Me perguntou se eu já tinha pegado um cacete antes, eu falei que sá passei a mão no de um colega.



Então ele abriu o calção e tirou pra fora. Devia ter uns 19 cm e era muito grosso. Muito grosso mesmo. Eu fiquei olhando admirada e ai peguei ele e comecei a punhetar meio sem jeito.



Começou a passar as maos nos meus peitinhos, por cima da camiseta e fazendo isso seu pau ficou cada vez mais duro. Ele mandou eu por a boca no cacete dele, mas eu disse que não, que não ia gostar de fazer isso. Mas ai peguei as bolas dele com a outra mão e ele começou a gemer. Colocou os braços em volta de mim e tirou meu sutiã, eu fiquei doidinha, colocou as mãos dentro da minha camisete e pegou meus peitinhos. Ai tirou a camiseta e caiu de boca neles. Eu não largava do seu pau e ficava gemendo muito, estava adorando.



Ele quis me beijar na boca mas eu disse que não queria também. Juntou o corpo dele no meu e o pau duro e grosso dele ficou esmagado entre ele e minha barriguinha enquanto ele começou a apertar meu bumbum. Aquilo ficava cada vez mais gostoso eu estava toda molhadinha.



Me virou de costas e ficou esfregando a tora dele no meio da minha bundinha. Ele começou a tirar meu shortinho que ia desgrudando aos poucos, desatolando do meu bumbum. Eu pedi pra ele parar, mas ele disse que não ia fazer nada demais, então eu deixei.



Fiquei sá de calcinha e ele ficou punhetando a pica dele enquanto esfregava na minha bundinha. Colocou a mão dentro da minha calcinha, que era branca e pequeninha, com um morango desenhado na frente. Viu que eu estava toda ensopadinha e disse que queria me chupar. Eu fiquei surpresa e não sabia o que dizer. Mas ele foi me pegando e levou até uma cadeira, se abaixou, colocou minha calcinha de lado e começou a meter a lingua na minha bucetinha.



Em dois minutos eu estava indo pras estrelas, fiquei maluca aluscinada virando os olhinhos e acabei gozando na boca dele. Ele ficou me chamando de putinha... safadinha...



Disse que agora era a vez dele, mas eu não queria por aquele cacete na minha boca, estava com nojinho. Então ele me virou e ficou esfregando ele com toda força na minha bundinha denovo e pondo a mão na minha calcinha.



Ai começou a urrar e eu senti um liquido quente no meu bumbum...



Enquanto ele estava gozando deu uma mordida no meu pescocinho que acabou deixando marca. Aquilo chegou a doer bastante. Ele sentou numa cadeira, parecia cansado. Eu disse que já ia indo e fui embora correndo pegando minhas roupas.



Como ninguém poderia me ver da rua, fui correndo sá de calcinha até em casa, e já que meus pais chegariam bem tarde.



Fui tomar banho e gozei mais duas vezes lá!



Voltei mais vezes na casa dele quando ele estava sozinho, que era meio raro. Mas eu tinha muita vontade e ficava esperando sempre! Acabei chupando ele várias vezes e ele gozou em toda parte do meu corpo. Foi sempre muito gostoso, mas nunca dei pra ele e nem beijei na boca.



A coisa mais gostosa foi quando chupei a pica dele até ele gozar na minha boca. O safado não avisou que ia fazer isso... mas eu adorei e acabei fazendo mais vezes.



Depois de 4 meses me mudei e não vi mais ele!



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


ver contos erótico está na real primo com prima gordinha gostosagorda sobe a saia e transa na ruadando o peito contoscontos de incesto menininhaconto minha estagiáriaContos curtos de coroa casada chantagiadaConto hot irmãozinhocontos eroticos incesto sutiacontos de incesto minha sobrinha veio passar dois dias comigoBuceta cabeluda em contoscontos gay abjeto de desejo do amigo mais velhoUm tubinho uma menina virgem pode aplicar com ele dentro do burraquinho da vagina ou nao?casetes longo machuca a xoxota da mulher pornoamiga da buceta e bunda grandes contos eroticospornô mobili com coroa e vamos até gozarcontos eroticos camisolaComi minha mae a forca contos eroticoscontos eroticos de orgias com minha mãe negrafragrância zoofilia caseiro Contos eroticos com cunhadasNovinha Bebi porra do meu amigo contocoroa de vestidinho sem calcinha abrindo as pernas para enteado podercontos me vinguei com o meu ex namoradoabaxar video porno de coroas de 20 anoseu quero a mulher da b******* grande de fio dental na regata do c* da bundonaContos eroticos homens estuprano gravidasconto erotico acampando com a filhacontos eroticos praia de nudismocontos ainda bem novinha tiraram meu cabacinhocontos eroticos cu maconheiracontos eroticos pego gostoso o meu filho gueiwww.contos gays na bebedeira cerveja e xixicontos porno papai e a fama de pirocudominha tia coroa crente de 57 anos contovizinho tezudoCONTOS ESPOSA CORNO ANDREAcontos eroticos de afeminados na escolalouco pelo bumbum da minha irma contos eroticosmeu tio arregacou minha esposinha casa dos contosputa feia trai corno na lua de melconto de o negao pirocudo rasgou meu cu sem dodeixei minha filhinha brincar com meu pau coltos contos eroticos sou casada a segunda orgia para meu maridocontos eroticos papai gozando na minha bocaWww xporno subrimhas trazei cm elas virg demeno eu eraetero deu o cu so de curiosidade pela primeira vez e choroucontos eróticos de irmã e irmão, irma com mega bundaoconto erotico, mamae foi. arrombada pelo marido da vizinha enquanto ela viajavaWww.contos.eroticos.mulher.casada.traindo.homem.caralhudo.egrossoconto porno teen gay free mulato favelacontos dei o cu virgemconto meu cu não voltou normalcontos eroticos segundas intençoescasadas que postam fotos de itanhaemconto pequeno titio queria agarrar os seio da mocaContos rebolo na caceteHistórias eróticas sobre estuproschantagiei minha irmã parte 2minha mulher pediu pra fuder minha enteada contoscavalo pampo aregasano a boceta da mulhercontos eróticos de mulher casada f****** com outro homem na frente da filhacaminhoneiro grisalho fode novinha no caminhãoContos eroticos de podolatria com fotos chupando pes de primas deliciosas fingindo que esta dormindocontos incestos dividindo o filhocomtos de vagabundas que gostão de fudervideornpossso puta e dei gostoso a xana contos eroticoscomi o cu do meu irmao e da minha irma brincando de pique esconde contospoi ve a folha fundedo com o primo dentro de casacontos relatos eróticos mamãe exibicionistaconto erotico no beco escurofotos de adoráveis travestis pirocudas nuascondos erodicos vizinho lindoconto d patricinha c o borrscheirosapato batendo xaninhana outra gostosocontos eroticos meninas filhinhas subrinhas priminhasconto eróticos convento lésbicoFudeer minha avominha prima chupou meu pau virgem contosconto de meu irmão comeu meu cu com uma grande pica e eu não aguentei de dorConto erotico minha esposa pagousmetendo A lingua na xaninha da novinha contos esposa seria bebada de biquini com o sogroconto erotico minha mae me fazchupa -laContos.encesto.relacha.maecunhada espiando contocontoseroticosdeincesto/irmaoeirmameu pedreiro comeu eu e meu marido contosconto gay viciei na rola do negÃobotando caralho no cu do bebadoconto erotico cuidando de um senhorContos erotico uma cadela para toda matilhacontos eroticos surpreendeu a esposacoroas de sainha curtinha mostrando obusetaocontos fui comida na fasendahttp://contos erotic6s dei o cu pro negao e gritei de dorconto erotico viadinho de calcinha dormindo no sitioSou casada fodida contoContos eroticos interraciais no escritoroscontos consolei a mulher do meu amigo