Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ENCOXANDO NEGUINHA BUNDUDA BAIXINHA NO TREM

Click to this video!

Olá. Deixe-me fazer uma breve introdução neste meu primeiro conto.



Durante muitos anos fui Office-Boy e costumava pegar vários ônibus todos os dias. Isso me fez ficar craque na arte das encoxadas por muito tempo.



Infelizmente, esse tempo passou; mas não quer dizer que não continue encoxando ocasionalmente. Trabalho de roupa social todo dia, e costumo utilizar o transporte coletivo em São Paulo por conveniência e por prazer ;)



Outro dia, por exemplo, estava pegando o trem lotado, sem estar muito mal intencionado. Porém, o trem estava realmente lotado, e fiquei na parte que menos atrapalharia quem estivesse entrando: do lado da porta, mas não de frente para ela. Existe um pequeno espaço nesse local, onde estava eu e, do meu lado, uma mulher de jeans e virada de lado e de costas para mim. Eu e ela segurávamos no cano acima de nossas cabeças, e eventualmente ela dava alguns esbarrõezinhos com sua bunda em minha coxa.



Porém, no começo do corredor, quase do meu lado, estava uma neguinha meio gordinha, baixinha, com uma cara de poucos amigos, mas com uma barriguinha deliciosa que dava para ver o umbigo e uma bunda extremamente grande e redonda para sua altura (eu não sou alto, mas ela era mais baixa ainda!).



Fiquei secando demoradamente aquela barriguinha e aquela bundinha deliciosa, mas em nenhum momento saí do meu lugar inicial do trem. As pessoas é que iam passando para o corredor ou saindo dele.



A baixinha neguinha vestia uma pequena blusa aberta e um top, onde conseguia se ver sua barriguinha meio redonda com peitões bem generosos. Do lado de baixo, uma daquelas calças e moleton branca com figuras bem apertada. Uma delícia para encoxar, pois ela sente seu pênis se esfregando, e você sente a bunda dela, que no caso era um pouco mole mas com muita "sustância", do jeito que eu gosto.



Mas não tínhamos encostado um no outro ainda. Um senhor bem mais velho entrou em uma estação e resolveu encostar-se bem atrás da neguinha. Enquanto isso, flertava levemente com a outra mulher e sua bunda dentro do jeans.



Eis que entra mais uma mulher na jogada: uma negra de altura mediana e vestido alaranjado, que vai do ombro aos pés. Ela entra meio apressada naquela algazarra e eu deixo um pequeno espaço para que ela fique do meu lado. Ela vem com uma certa pressão e vai se colocando aos poucos na minha frente. Como eu já estava esfregando minha coxa em sua bunda, não grande, meio mole e que dava para ver o "meinho", ela foi cada vez mais ficando perto de mim, até que na práxima estação, que encheu mais ainda o trem, ela se agarrou no cano, ficando perto dele mas um pouco afastada, e eu fiquei bem atrás dela, já mirando meu pau bem no meio da bundinha dela.



Fique então esfregando e ajeitando meu pau atrás dela. Ele naquele dia estava mais virado pra direita, mas eu endireitei ele com uma mão e deixei bem de frente para o meio da bunda dela, pois minha posição estava bem "privativa" naquele trem, com ela sá pra mim, que, pelo jeito, estava gostando muito.



Então eu comecei a empurrar levemente para a frente e para trás, pros lados, no ritmo do trem, e ela foi levada junto comigo. Parecia que já estava estocando no meio daquela bunda que encaixada direitinho com minha altura.



Até que tive que dar licença para um monte de gente descer em uma estação intermediária. Isso fez com que eu fosse "espirrado" de volta do lado da negra mediana. Por outro lado, a neguinha baixinha já estava meio irritada com o velho atrás dela e se colocou na frente da negra de laranja, ficando com sua enorme bunda agora do lado do cano, quase onde eu estava.



Daí foi inevitável. Aos poucos parte da polpa de sua enorme bundinha foi se alojando do lado da minha coxa, e pelo jeito era exatamente isso que ela queria, pois estava indo cada vez mais ao meu encontro. Meu pau estava a riste, e ela em uma série de movimentos ajudados pelo trem, e eu, "indefeso" e sendo jogado do lado dela, encostei brevemente, mas deliciosamente, meu pau todo melado em volta de sua bunda reconda e deliciosa, molinha como eu pude constatar dando pequenas apertadas com a coxa.



A grande vantagem dessa vez foi que ela era bem baixinha, de forma que conseguiu passar de baixo do braço da negra de vestido, e se achegou mais perto de mim. Era uma neguinha bem safada, pois fingia que estava irritada com a situação, mas cada vez ia mais perto de mim.



Quando o trem saiu de uma estação e foi para a nossa, me inclinei e virei para o lado da porta. Ela fez a mesma coisa, quase se colocando na minha frente. Mas não foi dessa vez. Já estava extasiado e valeu a experiência, para quem não esperava nada naquele dia.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


xvideoporno com er maosconto erotico estuprada de mini saiacontofudi minha cunhadasenta no colo do seu irmao contosConto erotico vizinha bobinhacontos eroticos amigas ci pegandoconto carona com caminhoneiro minha bucetacunhada deu para o cunhado gordinhocontos massagem colegacontos eroticos de padrinhos com afilhadas que engravidampornobuceta.com/homens so quer saber de mamar em peitoes das safadasconto erotico tia de fio dentalcontos eroticoc de senhoras casada se vingando dando o cu pra negoessou a cris, e esses fatos aconteceram quando eu tinha 20 anoscontos eroticos comi a velha beatacontos porno de incesto real pai filha e mae juntoscontos de corno. bipassivosconto conto erótico e história comendo a mulher do meu amigo analbucetinha contoscontos erotico gay dei pro amigo do meu pai e comi a cachora dele sorfilacontos.veridicos erabando uma,.pretinhapunheta para sogra contosdei a b***** para o meu genroContoseroticoscomsogroconto eroticos a buceta da minha esposa so cheirava porraconto erotico patricinha dando pra pobrecasada tarada por caninolésbicas castigando o rabo da parceriavarios me comero s calsinha contos gayconto erotico com sogrocontos eroticos de estrupamendoContos eroticos dediaristAcontoseroticos chupando meu tioconto sentei no pau do meu tio com dez anosJamanta comeu meu cuzinho a forçacontos eroticos espiando a senhoraContos eroticosComi minha irma na cozinhavistorias eroticas de zoofiliacontos eroticos um casal de amigos nos convidou pra uma jantacontos eróticos minha mãe fumou baseado e comi elaproctologista me comeu gaycontos porno chupetinho para um adultodepois do anus e da vagina tem outraentrada pro penis entrar?xcontos eroticos.com casada gostosona deficienteconto eróticos c afilhadaconto picante com colegaPorno contos pais e maes tias avo's iniciam suas meninas incestoVer buceta mulhere mas buntuda do mundo incesto porno/encoxando minha mae no trem lotadocontos anal de mulher virgemamamentar o pedreiro contosmeu,vizinho mais velho me lambeucontos de orgia com maebarrigudos barbudos velhos contosMenina curiosa indo no circo pela primeira vez contos eroticoscontos eroticos casais falando putaria fantasiando outrolena beijando sua amga gostosocontos eróticos dopando meu sobrinho gay dormindoContos eroticos gay primeira vez traumaticacontos de putaria gay o garoto e o vigiacasa dos contos mamaram meus seios no meu tioconto banho com tia olhandodei minha bucetao mestruada e ingravidei contosMeu sogro cheirou minha calcinhaconto primeiro boquetecantos eroticos muitapica no meu cuvou rasgar sua boceta vagabundaasgostosas ticoscomentário de. mulher que ja a buceta pro donzelome cumera porque tava sem calcinha negros cotosConto Erótico Primas putasmeu primo me comeu no churrasver todosos fiumi di muller sendo aregasada por jumentotive que dar contos eróticosxupando u pau dos piao tudo no sexo gostosoChantageei minha tia escrava lesbica contopegado carona um casal com camionero contos eroticoContos Comendo A filha da amigacontos eroticos piscina peitos fartos seduziconto de professor dando.o cu por alunoporno chegou em casa e pegou a cunhada pelada de olhos vendados e comeu elausando uma calcinha pequena e morrendo de tesaixoxotao capusaoContos eroticos cheirando calcinhas de vendedores no banheirocontos eróticos bumbum grande no ônibuscontos eroticossobrinha brincando com boneca