Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MARIA CHUTEIRA.

Click to Download this video!

Meu nome é Celeste (fictício) e como tive por muitos anos o computador como uma válvula de escape por ficar sozinha em casa por vários dias; estou enviando este conto. Não tenho vergonha de dizer que, quando jovem, muito bonita e gostosa (Loira; olhos azuis; corpo perfeito) virei uma Maria Chuteira com a intenção clara de alcançar a fama virando modelo namorando algum jogador famoso. Namorei alguns famosíssimos e acabei me casando com um craque de nível médio que apesar de não ter conseguido a fama que desejava me deu uma vida razoavelmente boa. Jorge saiu de interior de São Paulo e jogou por alguns tempos na capital de São Paulo; time médio da primeira divisão, e depois em vários clubes de ponta parou pra virar caçador de craques e empresário de vários jogadores. Estava com 29 anos e morando no Rio de Janeiro, quando Jorge resolveu que seu irmão Marcos (Marcão) de 19 anos, poderia se transformar em um grande jogador de futebol e o trouxe lá do interior de São Paulo para o Rio de Janeiro pra fazer testes num clube carioca. Marcão era desses jovens sonhadores: Moreno; bonito; 1,75 mts; 70 kgs, porém de uma simplicidade preocupante para alguém que iria viver numa cidade grande. Logo que ele começou seus testes, Jorge teve que viajar para o exterior e deixou seu irmão em minha responsabilidade. Tinha que levar e buscar Marcão no clube... às vezes ficava pra vê-lo treinar. Marcão em casa ficava muito acanhado principalmente quando me via com trajes sumários... Gostava de ficar bem a vontade dentro de casa vestindo shortinhos ou saias curtas e camisetas soltas (quase nunca usava sultiã). Procurava puxar conversar com ele e aos poucos fui adquirindo sua confiança que passou a me olhar com mais intensidade... Sem maldade gostava de saber que ele olhava pra minha bunda quando passava e quando sentia seus olhos fixos em minhas coxas bem torneadas. Dois meses depois Marcão já jogando nos juniores; quando não estava na concentração ia dormir lá em casa onde podia por telefone entrar em contato com sua família no interior de São Paulo. Jorge que dificilmente parava em casa atrás de novos craques; um dia notei Marcão muito triste apás um dos telefonemas e ao perguntar o motivo ele confessou que a saudade de sua mãe o estava deixando desmotivado e com vontade de voltar para a sua cidade. Sentei do seu lado e falei sobre o seu futuro e que ele tinha que suportar aquilo tudo e que estava ali pra ajudá-lo no que fosse preciso. Ele como uma criança me abraçou encostando seu rosto em meus seios ficando por vários minutos... Passei a acariciar seus cabelos e como usava uma camiseta que deixava boa parte do meu colo aparecendo ele estava praticamente com a face diretamente sobre meus seios que sentia sua respiração em minha pele. Fiquei preocupada quando senti que os bicos dos meus peitos estavam ficando duros e que ele ia acabar percebendo... Afastei seu rosto dando-lhe um beijo carinhoso na face e ele disse que ia dormir. Tomei meu banho e depois de vestir um bybedoll passando pelo quarto do meu cunhado resolvi dar uma espiada... Marcão estava deitado com o abajur acesso olhando o que parecia ser uma foto enxugando os olhos. Com muita pena daquele garoto e esquecendo de como estava vestida entrei: O que foi Marcos? Algum problema?... Ele tentou despistar e eu sentando na cama disse que ele precisava dormir já que tinha treino logo de manhã. Marcão deixou de vez as lágrimas descerem e eu querendo ser carinhosa: Vem cá vem!... Ele jogou o lençol de lado; estava sem camisa e somente com um short, deitou com a cabeça sobre minha coxa como uma criança carente. Falando palavras de incentivo e passando a mão sobre seus cabelos senti sua mão sobre meu joelho... Quando me dei conta estava com a outra mão acariciando seu peito e meu coração acelerado. Foi quando olhei e vi seu short ir estufando aos poucos... Aquilo ao invéz de me deixar preocupada me deixou curiosa que intensifiquei os carinhos em seu peito sem tirar os olhos daquele volume enorme sob seu short. Marcão subiu sua mão na minha coxa: Sabe que você é minha melhor e única amiga? Sem você perto de mim acho que já teria desistido de tudo!... Olhei bem pros olhos dele: Eu disse que você pode contar comigo pra qualquer coisa né? Estou vendo que você está com um problema e não sabe como resolver!... Ele notando pra onde estava olhando ajeitou o corpo sobre a cama tentando esconder: Desculpa Celeste!... Empurrei sua cintura fazendo voltar a posição anterior: Calma, eu entendo o que você deve estar passando! Pode deixar que vou te ajudar!... Minha mão entrou pra dentro do seu short e ele ficou assustado quando segurei seu pinto e eu mais ainda quando senti pegando uma coisa muito dura e grossa: Nossa Marcão, como você está excitado!!!... Ele beijando minha coxa: Sempre fico assim quando de vejo, você é a mulher mais bonita que já vi!... Abaixei seu short (o danadinho estava sem cueca) e vi o pinto duro que estava me desejando latejando na minha mão e Marcão alisando minha coxa: Ah Celeste! Já sonhei muitas vezes com você sem roupa!... Soltei seu pinto: Há é? E o que você faz comigo nos seus sonhos?... Ele: Nada, sá fico te admirando e logo acordo!... Resolvi realizar o sonho daquele garotão e levantando tirei a parte de cima mostrando-lhe meus peitos: Eles são assim nos seus sonhos?... Marcão ajoelhou sobre a cama sem guardar seu pênis: Muito mais bonitos Celeste!... Estava adorando fazer striptesse para um homem como se eu fosse uma estrela. Lentamente fui abaixando o short do bybedoll e quando chegou a aparecer o início dos meus pentelhos virei de costas pra ele deixando-o admirar apenas a metade da minha bunda... Marcão impaciente: Tira tudo Celeste! Tira tudo... Ainda de costas pra ele fui lentamente tirando e reclinando o corpo expondo meu traseiro, Marcão ficou doido: Nossa! Que bunda maravilhosa Celeste, parece que estou sonhando de novo!... Muito excitada cheguei minha bunda bem perto dele: Não é sonho não Marcão, pode botar a mão pra você ver!... Ele apalpou minha bunda e depois segurando-me pela cintura começou a beijar minhas nádegas. Virei de frente e segurando sua mão levei-a até a minha xoxota que já pingava de tão excitada: Olha Marcos! Olha sá como você está me deixando!... Ele deu uma passada de mão e apertando meus lábios vaginais: Você é muito gostosa Celeste a minha vontade é de morder sua xota!... Botei minhas mãos em seu peito fazendo ele deitar e alucinada subi e já fui segurando seu pênis e sentando sobre a ponta descendo minha buceta até não deixar nem um centímetro pro lado de fora... Com Marcão segurando e apertando meus peitos comecei a cavalgar aquele cacete duro que em dois minutos já estava tendo um orgasmo sentindo ele soltando seu leite dentro da minha buceta. Marcão acordou no dia seguinte bem mais confiante e foi pro clube... Não comentamos nada sobre a noite anterior. Marcão ficou três dias na concentração voltando somente no sábado à noite apás um jogo todo contente por ter se destacado levando o time à vitária marcando dois gols. Também contente dei-lhe um beijo no rosto: Isso meu garoto, a partir de agora quero você arrebentando dentro de campo!... Ele me deu um abraço que mais parecia um amasso: O meu irmão que vai me desculpar, mas estou apaixonado por você!... E em seguida me deu um beijo na boca tão sufocante que fiquei com meu corpo todo mole: Mas isso não pode acontecer, se o Jorge descobre será o fim de sua carreira!... Ele me dando vários beijos: É sá a gente tomar cuidado, eu não vou mais conseguir viver sem você!... Aquele garoto vindo do interior; além de gostar de jogar bola parecia ser bem decidido em suas convicções. Pensei em cortar aquele relacionamento logo no início, mas talvez por me sentir muitas vezes sozinha achei que podia levar aquilo por mais algum tempo até achar uma forma de terminar. Tomei um banho e vesti uma camisola bem curtinha (sem nada por baixo) e fui pra cozinha preparar um lanche pra Marcão. Ele entrou e logo veio me dando um novo amasso me segurando por trás e puxando meu rosto me beijou: Hoje você deixa eu dar uma mordidinhas na sua xota?... Sentindo o pinto dele endurecendo encostado na minha bunda: Se você me morder vai me machucar!... Ele levantando minha camisola descobrindo que eu não tinha nada por baixo foi passando a mão na minha bunda e chegando na minha xoxota: Vou morder com bastante carinho, sá quero sentir o gostinho dela!... E tirando seu pinto já duro pra fora encostando na minha bunda: Sabe que você tem uma bundinha deliciosa?... Aqueles comentários me deixou com uma puta vontade de sentir sua boca na minha xoxota e ao mesmo tempo preocupada com a minha bunda; pois a última vez por trás tinha sido com um jogador muito famoso (uns 5 anos)... Marcos estava indo muito rápido para um garoto que chegou a pouco tempo numa cidade grande. Deixei-o lanchando e fui pro meu quarto e não demorou muito pra ele entrar indo direto levantando minha camisola... Sem dizer uma palavra abri as pernas e ele deitou entre elas levando sua boca direto na minha xoxota. Parecia que ele já tinha experiência em chupar uma buceta; me deu tanta linguada e mordiscou tanto meu grelo que meu orgasmo veio com tanta intensidade que lambuzei toda sua cara. Pra retribui o prazer que ele tinha me dado peguei sua vara (nunca fiz com Jorge) e chupei como se eu fosse uma verdadeira puta e pra não sujar a cama tive beber todo seu esperma quando ele gozou... Adorei o gosto de porra. Marcos ficou no meu quarto por uma duas horas e além de mamar nos meus peitos e de me beijar muito me fodeu duas vezes me fazendo ter vários orgasmos pela primeira vez na minha vida... Comecei eu a ficar apaixonada por aquele garanhão. Como na quarta-feira Marcos ia voltar pra concentração, terça-feira a noite ficamos na sala no maior love; eu peladinha como ele gostava. Deitada de bruços com ele beijando minha bunda tentando me convencer a dar a bundinha pra ele quando o telefone tocou. Atendi e era Jorge dizendo que estava no aeroporto e que ia jantar com um determinado dirigente de futebol antes de ir pra casa. Mas enquanto conversava com Jorge (durante uns 5 minutos) Marcão passou a língua no meu ânus que até Jorge do outro lado percebeu; acho que cheguei a dar um gemido: Não é nada Jorge, é que pisei em falso e torci o pé; mas está tudo bem!... Quando senti Marcão subindo sobre o sofá e encostando seu pinto bem no meio da minha bunda fiquei apavorada, pois Jorge não parava de falar ao telefone... A cabeça entrou e tive que trincar os dentes pra não gemer novamente... Mas quando Marcão soltou o peso fazendo seu pau penetrar todo na minha bunda não aguentei e soltei um: Aaaaiiiiiiiiii!... Jorge do outro lado: O que foi meu bem?... Marcão já subia e descia com seu pinto na minha bunda: Aaaiiii! Aaaaiii! Uuuuuuiiiiiiii! É que eu ando e meu pé dái Jorge!... Jorge: Cuida desse pé que daqui a pouco estou em casa pra gente ver isso melhor!... Quando Jorge desligou praticamente gritei: Você é doido???? Não podia esperar eu terminar de falar com o Jorge?... Ele sem parar de socar seu pau na minha bunda: É que você não queria deixar e eu aproveitei a oportunidade!... Relaxei e deixei Marcão ficar bombando no meu rabo passando a gostar: Hummm! Que pau gostoso! Mete bem fundo! Ohhhh como é bom!!!... Ele parou deitando sobre minhas costas com o pau todo enfiando: Hummm! Como você é apertadinha! Isssooooo! Morde meu pau com seu cuzinho que já estou gozando!... Eu ficava contraindo meu ânus sentindo despejando todo seu esperma dentro da minha bunda. Jorge chegou todo preocupado (Marcão já estava dormindo) e deixei fazer massagem no meu (suposto) pé machucado. Em menos de um ano Jorge conseguiu um bom contrato pra Marcão jogar num time em Portugal. Como Jorge ficou muito preocupado em Marcos não se adaptar num país estrangeiro, me ofereci pra ficar com ele em Portugal por algum tempo ajudando-o no que fosse preciso. Acho que Jorge pensando no dinheiro que ia ganhar não fez qualquer objeção e ainda pediu: Fique com ele o tempo que for necessário, não deixe o garoto desanimar nunca!... Fiquei durante dois meses em Portugal dando-lhe todo apoio e tudo o que ele queria... Em suas folgas no clube Marcão e eu ficamos praticamente o dia inteiro trepando. Voltando ao Brasil, passei a acompanhar Jorge em suas viagens de caçador (olheiro) de craques e quando algum necessitava de uma pousada pra ficar e fazer teste em algum clube do Rio eu convidava pra dormir em minha casa... Jorge até me agradecia pela minha boa vontade em ajudá-lo com os garotos.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


crente peituda boqueteira contos eroticosnovinha deixou lamber sua xana contos heroticosconto erotico comi a cunhadinha nos fundos e na frente da namoradacontos mulher espreita homem a masturbar-serelatos eroticos casadas com negao e velhoiniciando um cuzinho virgem contosPuta desde novinha contoscontos eroticos minha baba gostosa perdendo minha virgindadetravesti tirou cabaco da irmazinhacomeu a tia da bunda grande contome seguraram e um jegue me arregaçou contos eróticoscontos arrombado por cdpornodoodo padrasto fobe enteada novinhanovinha teen transando na cam de bruços com namoradoConto gozou muita porra no meu cuDelirando na pica do irmão contosporno relatos veridicos atuaisconto erotico esmagou cu esposacconto erotico de netinho decinco anoscontos porno fui estuprado na adolescência e adoreicontos eróticos de bebados e drogados gaysContos fui estud fud mãe e filhaminha prima e uma jebagozando so no cu da leilianecontos eróticos a f*** deler contos de sexo de mulheres sendo chantageada na estrada e dando cuzinho pra dotadoscontos erotico gay negro dando pra brancofobtos trasado com as duastias gostosboa f*** travesti orgiacontos eroticos de coroas dos seios caidosvoyeur de esposa conto eroticoContos eroticos novinha virgem sendo arrebentada pela mulecadasmarido libera esposa para pagar o aluguel contoContos de casadas peidando na pica do vizinho e gostandoContos eróticos meu patrão do pau gg arrombou minha linda noivaConto erotico veridico circoSexo com a tatuada contoeu confesso sou puta desde novinhaPorno sauna com loira e a namorada ciumentaconto mandei fazer fila pra mim chuparcontos sexo meu marido rebolou na pistolao cuzao da titia contocontos eroticos "coisa enorme"contos aluguei minha mulherhomem enrrabadocontos eróticos meu tio tarado me fes eu gosar en seu pauContos com belas picasEu roberto o cachorro conto erotico gayporn linda sobrinha porreitem homem on line dar telefne pra foda com mulher casada chupa seu pau deixa chup bucetacontos porno esposas estuprados submissoscontos eroticos praia de nudismocontos eróticos escrava sexuais incertoUm professor gay fode sim com um aluno com o pau doro na bocapassando lápis na bucetaconto erotico a esposa do meu irmao disse que que tem um pauzinhocontos eroticos das amigas perdidas na cachoeirafui errabada pelo meu avoConto amarrada arrancou minha roupa abre mais vadiaconto comi minha sobrinha na pescariameu primo pegou no meu penis de 10cmSou casada fodida contosua buceta me pertencecontos eróticos de meninas e meninospego no fraga cherando a calcinha da casada contosporno contos eroticos filhinhas enrabadaslindas nuinhas, ticas"gordinho tetudo conto eroticoContoseroticoscomsogrocomendo a irmãzinha e a amiguinha dela contos eróticosfodo minha princesinha. contos eroticos de incestoscomendi a comadre fui pego no fraga conto