Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

CASA DE TIOS, PRIMOS UM PERIGO 1

Click to Download this video!

caro leitor eu recomendo ler o outro conto que escrevi com o mesmo titulo desse aqui que la tem todas as explicações nesseçaria ja fala a todos que por ventura vier ler esse conto .

bom depois daquela noite em que meu primo joão tentou colocar seu monstro no meu cusinho e não conseguiu, eu levantei de manha e ainda estava com o meu cusinho dolorido e logo eles levantaram e meu primo ~joão se arrumou e foi correndo trabalhar, meio dia voltou correndo, me trouxe um sonho e beliscou alguma coisa na cosinha e ja ia voltar correndo pra padaria quando me disse lucia a noite eu vou jogar bola la na quadra e voce quer vir ? claro que quero, então se apronte antes de eu chegar se não não vai dar tempo ta e voltou correndo, eu fui ver ele jogar bola e ele me apresentando para seus amigos, essa moça linda é minha prima ta e voces se comportem e me façam o favor de não ficarem falando palavrão, aquilo pra mim foi o maximo, no dia seguinte era sabado e ele ia trabalhar até meio dia e me chamou pra irmos na casa de um amigo que morava do outro lado da cidade, eu fui, no caminho de bicicleta ele pedalando e eu na garupa e conversamos até atravessarmos a linha do trem e entrarmos numa estrada deserta com mata dos dois lados quando ele perguntou ?olha que deserto lucia mas não tenha medo não que estou aqui ta, eu respondi eu não tenho medo não joão .

e ai ja sarou ai atras ?

ainda doi um pouquinho .

voce me perdoa ?

eu não fiquei magoada com voce não e pra falar a verdade eu até gostei ´so que doeu muito .

vamos fazer outra coisa e garanto que não vai doer ?

voce quem sabe ? ele parou a bicicleta entrou no matou um pouco e parou em baixo de uma arvore bem na sombra,

tirou o pinto enorme pra fora e me ensinou a bater punheta pra ele e au mesmo tempo ficou tocando uma siririca pra mim ( nome esses que vim conhecer depois de um bom tempo ) enfiou a mão dentro do meu short e ficou passando o dedo no meu clitoris e eu me derretendo até ele tirar seu pinto de minha mão e espirrar longe,dando esguichadas de porra longe, derrepente eu senti as pernas amolecer a cabeça rodar um choque correr a espinha e desfaleci, hoje sei que dei minha primeira gosada e aprendi a me masturbar tudo nesse dia, no outro dia tudo trancorreu normalmente até a noite quando o irmão dele mais velho saiu com os amigos e não iria voltar aquela noite e o meu tio, tia e o outro irmão mais novo foram rezar um terço e voltaria tarde da noite e ficamos em casa das 6 da tarde até meia noite quando meus tios chegaram, primeiro eu tomei banho depois ele então ele disse lucia vamos pro meu quarto que tenho mais brincadeira nova pra nos, entrei no quarto tirei a roupa deitei na cama ele tirou a dele e abriu minhas pernas e começou passar a lingua na minha rachinha, nossa eu fui nas nuvens e voltei eu nunca tinha sentido tamanha sensações iguais aquela quando ele falou vamos tentar outra vez mas agora vou mais devagar, eu pra mim esta bom assim mas se voce que esta bom tambem, ele me colocou na berinha da cama de quatro pé, pegou um pote que hoje sei ser vaselina, começou a passar no meu reguinho e a forçar um dedo na entrada, pincelava com o dedo e forçava até que entrou,ai foi fazendo movimento de entra e sai até eu relachar bem, eu quaze gosando no dedo dele então tentou colocar dois,ele tentava mas doia e foi tentando até que conseguiu colocar sá um pouquinho de dois dedo pra sá então se ajeitar atraz de mim com aquela cabeça enorme e foi forçando, forçava eu gemia ele voltava, forçava com mais força eu gemia ele voltava até um dado momento que derrepente ele forçou eu senti as pregas abrirem e umas se romperem e a cabeçorra entrou eu dei um grito ele parou mas com a cabeça dentro e ficou quetinho por um tempo depois perguntou ainda doi ? e eu sá um pouco ai começou a tentar colocar, empurrava eu gritava baixinho pra não ´, então como ele ja tinha colocado um pouco foi fazendo os movimento de entra e sai sem sair com oque tinha conseguido colocar até gosar e me encher o cu de porra .

tirou de dentro e me pegou no colo e me levou no banheiro, me deu outro banho sá então me dando banho que ele percebeu que tinha saido um pouco de sangue e eu me sentindo estranha era como se eu fosse oca no lugar do cusinho não tivesse nada era uma sensação estranha mais estava satisfeita, afinal meu primo tambem estava satisfeito e era muito carinhoso comigo,



o resto eu conto no final

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto corno sondei ela tava debaixo deleconto erotico esposa chora no pintaoMinha sobrinha pediu para eu dar um shortinho de lycra pa ela usa sem calsinha para mim contosporno filadaputa faz devagar o teu pau é muito grande contos eroticos comendo giovanasou casada e mau fudida e minha bucetinha carnudinha e o velho aproveidoumulheres violadas contos eroticosContos eroticos de solteiras rabudascontos arrombado por cdconto erótico de padre transando com Madretransei com minha tia nas dunas da praiacontos porno de madame recatada virando puta do seu empregadocontos eroticos trai meu marido com um molequecontos erot.vizinho casado tirou minha virgindadeso sadomasoquismo com maridos violentos contos eroticosContos o moleque comeu o cu virgem da minha mulherContos eroticos de sexo na infancia safadinha desde me nininhaconto erótico não resisti dei para meu primocontoseroticos.esposa abudada no onibusContos eroticos cheirando calcinhas de vendedores no banheiroconto erotico rabuda cintura fina peituda casada visitaContos eroticos/minha sogra cavalonacontos eróticos violentosTio come sobrinha a força contos eroyicoseu marquei um encontro com a esposa linda e gostosa do meu sobrinho ela entrou no meu carro eu levei ela pro motel conto eróticoerotico menininhaconto gay viciei na rola do negÃocontos eróticos de un gordo virgemMinha irma pos uma legue sem calsinha para mim ver contoscontos erotico você agora é meu viadinhoconto erotico casal dominadocontos eroticos eu minha mulher e um veadocontoseritico padrasto conto erotico menague com a noracontos o sindicovoyeur de esposa conto eroticoconto sou novinha e toquei punheta pro tiocontos eroticos na arrombada noite de nupsiacontos eroticos a.xasada dot trabalhocontos erótico eu ddie minha mãe depois de sua festa de aniversário detalhes como fui estupradotocou meu seio sem querer incesto contocontos eroticos gays bem recentes ocorridos no rio de janeiroContos erótico,comi a minha ex mulhercontos eroticos deixando estruparsubria/luiza/fudendo/na/fazendaconto erótico com foto titio me rasgoucontos erótico me rasgaram mo acampamento contosfudendo a morena gravida fudi as dua sobrinhas de nove e onze anos contoconto erotico virei cadela barria gosa pra mincontos porno obrigada engolir porra com muito nojocontos eroticos dentro da piscinabucetudas com caralhudos/fotos e contosdepois de eu ter me mastrupado depois de um tenpo comesei a goza isso e normalporno doido mulher durmindo com abumdas pra foracontos meu amigo pirocudo dormiu la em casa e arrombou minha mulhercontos sobrinho moreno loiraContos eroticos: desde novinho era afeminado louco pra da o cuporno desmarcada do funkChantagem com mulher de salto conto eroticomeu pedreiro gostosopiça enorme burracha anal contoHistória porno cumi a cachoraaluninha dando cuzinho virgem para o professor pirocudo contos eroticoscontos erotico fis boauetes nos amigs de meu marido e ele nem sabecontos eroticos de pai e filhinha novinhacontos eroticos vovo mamae e os mendigosler conto de viuvo carente fode vizinha solidarianegra da pra um de4 e chupa do outro por dificuldade em motelmaridinho chupou minha bucetaconvencimeu marido a ser cornozoofilia co caxorros das rolas mas grosas mudubuceta de crente meu nome domitiliameu priminho, meu putinh na infânciaquero ouvir um conto erótico de garota de programa da escola do pau de jumentocontos de vizinho taradoconto chantagem afilhadaminha tia olhando meu pautomando encoxada notrem contos eoticoscontos eróticos AHHH OHHHconto erotico gay: peguei carona e paguei com o cuzinhocontos eroticos domia ele cospi nu meu cucontos eroticos menino de calcinhaconto erotico acampando com a filhaContos eróticos: boquete quando pequenaela e virgem e so da o cu contoscontos eróticos de mãe metendo a língua no ouvido do filho e da filha e gosando