Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

CASA DE TIOS, PRIMOS UM PERIGO 1

Click to this video!

caro leitor eu recomendo ler o outro conto que escrevi com o mesmo titulo desse aqui que la tem todas as explicações nesseçaria ja fala a todos que por ventura vier ler esse conto .

bom depois daquela noite em que meu primo joão tentou colocar seu monstro no meu cusinho e não conseguiu, eu levantei de manha e ainda estava com o meu cusinho dolorido e logo eles levantaram e meu primo ~joão se arrumou e foi correndo trabalhar, meio dia voltou correndo, me trouxe um sonho e beliscou alguma coisa na cosinha e ja ia voltar correndo pra padaria quando me disse lucia a noite eu vou jogar bola la na quadra e voce quer vir ? claro que quero, então se apronte antes de eu chegar se não não vai dar tempo ta e voltou correndo, eu fui ver ele jogar bola e ele me apresentando para seus amigos, essa moça linda é minha prima ta e voces se comportem e me façam o favor de não ficarem falando palavrão, aquilo pra mim foi o maximo, no dia seguinte era sabado e ele ia trabalhar até meio dia e me chamou pra irmos na casa de um amigo que morava do outro lado da cidade, eu fui, no caminho de bicicleta ele pedalando e eu na garupa e conversamos até atravessarmos a linha do trem e entrarmos numa estrada deserta com mata dos dois lados quando ele perguntou ?olha que deserto lucia mas não tenha medo não que estou aqui ta, eu respondi eu não tenho medo não joão .

e ai ja sarou ai atras ?

ainda doi um pouquinho .

voce me perdoa ?

eu não fiquei magoada com voce não e pra falar a verdade eu até gostei ´so que doeu muito .

vamos fazer outra coisa e garanto que não vai doer ?

voce quem sabe ? ele parou a bicicleta entrou no matou um pouco e parou em baixo de uma arvore bem na sombra,

tirou o pinto enorme pra fora e me ensinou a bater punheta pra ele e au mesmo tempo ficou tocando uma siririca pra mim ( nome esses que vim conhecer depois de um bom tempo ) enfiou a mão dentro do meu short e ficou passando o dedo no meu clitoris e eu me derretendo até ele tirar seu pinto de minha mão e espirrar longe,dando esguichadas de porra longe, derrepente eu senti as pernas amolecer a cabeça rodar um choque correr a espinha e desfaleci, hoje sei que dei minha primeira gosada e aprendi a me masturbar tudo nesse dia, no outro dia tudo trancorreu normalmente até a noite quando o irmão dele mais velho saiu com os amigos e não iria voltar aquela noite e o meu tio, tia e o outro irmão mais novo foram rezar um terço e voltaria tarde da noite e ficamos em casa das 6 da tarde até meia noite quando meus tios chegaram, primeiro eu tomei banho depois ele então ele disse lucia vamos pro meu quarto que tenho mais brincadeira nova pra nos, entrei no quarto tirei a roupa deitei na cama ele tirou a dele e abriu minhas pernas e começou passar a lingua na minha rachinha, nossa eu fui nas nuvens e voltei eu nunca tinha sentido tamanha sensações iguais aquela quando ele falou vamos tentar outra vez mas agora vou mais devagar, eu pra mim esta bom assim mas se voce que esta bom tambem, ele me colocou na berinha da cama de quatro pé, pegou um pote que hoje sei ser vaselina, começou a passar no meu reguinho e a forçar um dedo na entrada, pincelava com o dedo e forçava até que entrou,ai foi fazendo movimento de entra e sai até eu relachar bem, eu quaze gosando no dedo dele então tentou colocar dois,ele tentava mas doia e foi tentando até que conseguiu colocar sá um pouquinho de dois dedo pra sá então se ajeitar atraz de mim com aquela cabeça enorme e foi forçando, forçava eu gemia ele voltava, forçava com mais força eu gemia ele voltava até um dado momento que derrepente ele forçou eu senti as pregas abrirem e umas se romperem e a cabeçorra entrou eu dei um grito ele parou mas com a cabeça dentro e ficou quetinho por um tempo depois perguntou ainda doi ? e eu sá um pouco ai começou a tentar colocar, empurrava eu gritava baixinho pra não ´, então como ele ja tinha colocado um pouco foi fazendo os movimento de entra e sai sem sair com oque tinha conseguido colocar até gosar e me encher o cu de porra .

tirou de dentro e me pegou no colo e me levou no banheiro, me deu outro banho sá então me dando banho que ele percebeu que tinha saido um pouco de sangue e eu me sentindo estranha era como se eu fosse oca no lugar do cusinho não tivesse nada era uma sensação estranha mais estava satisfeita, afinal meu primo tambem estava satisfeito e era muito carinhoso comigo,



o resto eu conto no final

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


punhetabdo no hospitalesposa e meu amigo contos pornoscontos eróticos irmãcontos eróticos de filho com sua mãeporno zofilia peitinho inchado sozinhas3negros-_contos eróticosContos eroticos viagem longa incestuosacontos eroticos minha cunhadinha novaporno meu marido me levou no swing so para ver outro gozar na minha bucetacontos eroticos tomando conta de uma desconhecidaconto erotico pulando o muro comendo o cu da vizinhadominador pé gostosomimi apaixonei pelo novinho de pau grande contos gayminhas sobrinhas conto eroticocontos sogra punhetawww.goroa nis Sogra fudendopai com meleque desde pequenos contos eróticos proibidos gaysmulhe vais boguete em bebudoas antigas Sophie travestis masturbando na salahistorias eroticas de mulheris que tranzarao com emteadocontos eróticos fui abusada pelo pirralhotrai no cafe da manha contominha mulher e o filho do jumento contos eroticoscontos eróticos eu e meu pai comendo minha esposacontos meu vaqueiro me comeu na marracontos eroticos depessoas normais reaisFotos de gostosas de vestidinho colado dirigindo carrocontos eroticos de padrinhos super dotados comendo casais e comadrescontos esquentando a relaçãoconto+meu patrao taradovídeo de bocado de mulher dançando de fio dentalContos.encesto.so.de.mae.o.asaltominha priminha titio contos eróticostive que dar contos eróticosconto espiando transa do tiotanguinhas usadas da minha mulher contos eroticoscontos punheta filho sobrinhocontos eroticos namorada casa de praiacontos eroricos com meu advogadocontos erótico vovó apimentadaconto de filho fudendo cu da maeenchi minha buceta greluda de pora pro mru corno chuparminha mae me prostituia conto eroticocontos erotico vovo e a vovo lamberam minja bucetamulher batend sirica at espirarprguei a tia na ciririca contosContos eroticos gosto que minhas tetas estejam vermelhas de tanto macho chupandoFodelança contos comendo a mulher e sua amigaquadrinhos pornos de patrao dominadorContos de sexo sogro acima de 70 anos e noraconto erótico da esposa do meu irmãoTennis zelenogradSou casada fodida contocontos de putaria casal com garçom doutadodetalhes como fui estupradoContos chupando o cu do gordinhoconto erotico meu compadrer e minha esposatanguinhas usadas da minha mulher contos eroticoscontos eróticos cunhadinhas safadas com fotosporn corno contos eroticos amarrada e usadacontos gays ordenhando papaiver contis eroticos de incesto passando oleo na maebudendo.cadela.no.ciu.vira.lataMinha mulher voltou bebada e sem calcinha em casa contosContos domesticas casadas enrabada pela patroa com vibrador"muito aberto" gay contoContos eróticos minha mulher no acampamentoConto meu marido me devorou na madrugadacontos amigas virgensalisando um pirocao e cornocontos mulheres que gostam de ser preenchido no cuzinhoContos de sexo virgem dor extrema membro grosso teen incestoconto erotico a gorda pagabdo a apostaporno pesado arrombando relatoscontos eróticos de minininhas que adorava ser abusada dormindofotos de novinhas mechendo na bucetinhajgostosa e muito branca maz mete muitoContos eróticos gay camisa socialcomo eu faço pra apreparar minha buceta pra primeira relaçao sexualConto erotico chorei com o cacete do cavaloconto erotico comi minha irma casada no ranchoContos to gravida de um travesti meu marido arrumou