Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A DESCOBERTA DE DAYANE

Click to this video!



Num sábado à tarde, estava em casa tomando cerveja sozinha, um baita calor, e tocando violão, ouvi Dayane me chamando no portão, pedi pra ela subir, e segurei meu cachorro, ele não morde, mas pula em todo mundo que entra em casa...

Ofereci um copo pra ela enquanto ela se acomodava no sofá da sala, com regata e mini saia, aquelas coxas a mostra sempre me chamavam a atenção, mulata, do jeito que gosto, nariz fininho, olhos claros, cabelos longos e cheirosos, super gata. Como sempre não deixo mostrar meu interesse, afinal, minhas amizades com hétero sempre foram preservadas com cautela...

Ela estava meio chateada, pois acabava de descobrir que o namorado tinha traído ela, e me pediu para gravar um mp3 pra ela, pois o que eu tinha gravado estava na casa dele, ela resolveu não buscar, era folga dela, e ela queria ficar em casa na fossa.

Disse: fique aqui, a gente toma umas cervejas, e fica conversando e ouvindo música, você se distrai na sua casa você vai ficar chorando...

Resolveu ficar, e conversando sobre as aulas de estágio que ela estava dando, do nada, me pergunta: o que eu tenho de errado?

Respondi: ter escolhido um canalha pra namorar, por que de resto, você é perfeita...

Ela me encarou por um instante, deu um gole na cerveja e veio em minha direção, me encarando com um olhar triste e meio tímido, me abraçou alisando minhas costas, e eu fiquei imável naquele momento, sentindo o toque suave de mão macia deslizando sobre mim.

Sentindo aquele cheio bom que saia dos cabelos dela bem de pertinho, fiquei excitadíssima, meu grelinho pulsava de tesão, mas fiquei com receio e deixei ela continuar a acariciar, e foi descendo a mão apalpando minhas nádegas, percebi que era a deixa para avançar o sinal, e coloquei meu nariz no pescoço dela e cheirei aquela pele macia e adocicada de creme de chocolate, dei um beijo de leve, e apertei o abraço que recebia, o copo dela caiu no chão, levei um susto, esperando um tapa ela pediu desculpa por ter deixado cair, balancei a cabeça como quem diz, não foi nada, e ela veio em minha direção de novo me olhou outra vez e me beijou, quase me engolindo viva me empurrou no sofá, subindo em cima de mim continuou me beijando, ficamos nos amassos, e senti a mão dela procurando o feche de meu sutiã com um sorriso meio tímido no rosto mas decidida em seguir em frente, parei um instante e perguntei a ela: Tem certeza? É isso mesmo?

Ela responde: é o que eu mais quero nesse momento!

Levantei a blusa dela a procura de seus seios e comecei a devo ralos com um tesão louco, enfiei a mão entre as pernas dela e senti sua calcinha pequena toda umedecia, fiquei louca, e por cima da calcinha alisava suavemente à deixando mais excitada, me debrucei sobre ela, chupando os seios, puxei a calcinha de lado, coloquei meu dedo no grelinho dela e senti seu sexo extremamente encharcado, e acariciei bem de leve em movimentos circulares, ela gemia e apertava suas unhas em minhas costas com força, eu nem percebia mais nada, sá a empolgação dela, e desci até o grelinho, puxei ela um pouco pra frente, ela ficou meio sentada no sofá e me ajoelhei bem de frente daquela delícia, abri as pernas dela, puxei a calcinha de lado, e de um lambida bem de vagarzinho na sua bucetinha, ela gemeu, e eu me deliciando meti minha boca no grelinho dela chupando como um beijo e respirando pela boca pra ela sentir o hábito quente da minha boca, ela se contorcia no sofá, e eu não parava de chupar,ela segurava meus cabelos com força e empurrava minha cabeça para seu sexo com muita fome, eu não parava, e aumentei a velocidade, no instante em que penetrei meu dedo em sua bucetinha ela solta um grito estrondoso, até levei outro susto, mas não parei, e ela puxa meu cabelo com tanta força que rançou um tufo. Olhei pra ela, sem entender ela me pergunta...

O que aconteceu?

Eu disse: você acabou de gozar meu amor...





VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


coloquei o dedo no cu da minha namorada ela endoidotio gordo dormindo conto eróticoconto eu doida pra gosar mas si tinha meu papaicont erot padrinho meteu tudoincesto real mãe gostosa da coxa grossa e quadril largoquentes carentes cariocasminha vizinha poliana muito gostosa contosque enganaram e comeram meu cu sem pena contoscontos eróticos do tio malvadoContos não sabia que era traveco e regasou meu cuMeu nome é Suellen e essa aventura foi uma delícia.rnSempre nos demos bem, erámos vizinhos e amigos. Eu tinha 18 anos, ele 16. Nossas casas são práximas, tanto que a janela do quarto dele dava pra janela do meu quarto. Eu sempre gostei de provocá-lo,como fazer pra minha namorada veste shortinho curto    padrinho cuida da afilhada contos eróticosconto erodico de entiada evangelicabofe escandalo na punhetaconto de botei a novinha pra chora com a pica grande no cuconto transei com borracheirominhas duas primas me chupando o palconto erostico cASALCOM UM MOLEGUE EM CASAcontos eroticos cuspe punhetacontos eroticos moleque e mulhercontos eroticos escondidoquero ver Márcia cama na buceta e gozando quero ver Márcia cama na buceta e gozando quero ver Márcia acabando a buceta e gozandocontos herodico de vadia sendo arromba por um cachorrocasada que gosta de apanhar traindo porno contoviuva ecitada ver filho tomando banho e da pra elecontos de tirador de cabaçocontos eroticos virgndade molequeComo chupar o pau do seu primo sem que ele conte para os paisconto sobrinho timidocontos eroticos garotao passando bozeador na minha esposaConto erotico na cama com a tia coroa puta.comContos Comendo A filha da amiganamorada virgem.contominha mulher adora ser brechadaconto erotico chantageado a ser femeaconto menino eu era fudido pelos meninos negroscontos eroticos familia bi passivaesposa seria se bronzeando em casa conto    papai e seu amigo comeu meu cuzinhovidios de zoofilias mostra homem acariciando uma jumenta com a mão na buceta dela quando passo o dedinho no meu cu fico com abuceta toda babadaso contos de comendo a menina pobre da favelacontos eróticos sendo tratado como mulhercontos eroticos minha mulher apanhaconto submissa ao paus negros e grandecontos eróticos contei detalhes absurdos da picaincesto furapornocontos/ morena com rabo fogosocacetudo me enrabou contospornô o homem que nuca viu uma boceta quando viu endoidoucontos eroticos consegui comer aquela bundacoxinhas grossas conto eroticotodos foderam ela contosconto erotico gay o pinto do vizinho velhocontos gay bundinha com marquinha de biquinimeu namo puchou meus cabelos e deu vários beijos em mim o que significa isso?conto erotico estupro sequestro sadomasoquistacontos eroticos incesto pai encoxado filhas avo encoxado netascontos de titio perocudo e esposasurra vaginal amordaçada contocontos eroticos como passei a ser travesti por causa do meu cunhadoconto erotico gay coroa pirocudo do bar me levou pra casa dele e me arrombouultimos contos eroticos dando o cu pela primeira vez gayscontos eroticod vadia chora na rolaContos eroticos mao amiga no carroConto incesto sogra no volantecontos eroticos categoria estrupada por mas de umamo ser rasgada fisting contoisso contos eróticosescandalosa enrabada contosna frente a mamãe motel sábado padrastotoquei uma punheta pro cara enquanto ele dormi relatosreais conto erotico calcinha neguinho