Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMI MINHA VIZINHA PEITUDA

Click to this video!

[Atenção] >> Nomes Ficticios mais a Historia é real!



-------------



Meu nome é Gabriel e tenho 19 anos, moreno claro, cabelos castanhos, olhos castanhos, fisico normal com tanquinho. Era um sábado, estava em casa assistindo uma série que eu baixei e passei para DVD. Estava tudo vazio, meus pais sairam para visitar minha avá que estava doente e sá iam voltar no domingo de tarde e eu fiquei em casa com minha irmã. Era tarde e tinha acabado de chover, estava deitado no sofá e minha irmã tinha saido para o trabalho e sá voltaria a noite. Quando de repente ouço a campaia tocar, me levantei com um bermudão e sem camisa. Era minha vizinha, Jaci, 47 anos com um corpão lindo, pernas grossas, moreninha, bunduda e peituda. Eu sempre tinha tesão por ela e sempre que possivel olhava por uma janelinha que tem entre minha casa e a dela, via ela na cozinha e batia uma. Ela estava vestido uma camisola azul que colava nos peitões dela deixando os bicos eretos por causa do frio e suas coxonas nuas.



Ela pediu uma xicara de açucar, então eu fui até o portão peguei a xicara e fui para dentro pegar a chave. Então pedi para ela entrar e esperar, ela se sentou na cadeira e eu fui lá pegar. Voltei depressa, não parei de olhar para seus peitões. Ela falou:



-- Obrigada, ei para onde está olhando? (Falou cobrindo o decote que sobrava por cima da camisola.



-- Nada... Ué. (Falei sinicamente)



-- Hum... eu sei pra onde você tava olhando, eu to olhando pra um lugar também.



E com isso ela levantou a mão que não tava na xicara e tocou no meu pau que ficou como pedra. Ela perguntou se tinha alguem em casa, eu disse que não. Ela se levantou deixou a xicara no centro e me levou para dentro. Lá ela pegou minhas mãos e botou nos peitões, então eu peguei na sua cintura e puchei pra perto e taquei um beijão na sua bocona. Ela me olhou com uma cara safada, então ela subiu a camisola e a tirou jogando para o lado. Olhei seu corpo e me surpreendi, tava tudo em cima, peitões empinados e suados, sua calcinha deixava sua buceta sufocada com tanto que ela estava molhada. Puchei ela para o colchão onde eu tava deitado assistindo e ela foi logo tirando minha bermuda.



-- Nossa, é bem grande ein! (Olhou ela com espanto)

-- Que isso, a do seu marido deve ser maios, sou sá um adolescente. (Valei envergonhado e nervoso)



-- Não! A sua deve ter uns 20cm, isso vai entrar rasgando.



-- Você vai foder comigo? (Perguntei suando frio de tesão tocando em seus peitões e apertando seus bicos)



Ela riu e me tacou outro beijo, logo ela tirou a calcinha e pediu para que eu pegasse uma camisinha. Corri para o quarto e abri minha carteira, peguei e vesti lá mesmo. QUando chegeui ela estava se masturbando e pediu para que eu enfiasse nela.



Preparei meu pau que estava super duro e fui penetrando, a buceta dela fazia contraçoes que me levava a loucura e quando mais eu botava mais ela gemia e fazia uma carinha de dor.



Meti nela, e não demorou ela gozou e meu gozo estava chegando. Ela pediu para que eu parasse, então eu tirei meu pau de sua buceta que tava toda lambuzada.



Ela tirou a camisinha e começou a chuvar, engolia tudo, eu sentia meu pau ir para sua garganta, logo ela deitou e me puchou para perto, botou meu pai nos seus peitões e fez uma espanhola + boquete.



Fui a loucura e gozei na sua cara, mais estava com muito tesão e me recuperei em 4 minutos. Vesti uma nova camisinha e voltei a mater nela de quatro, de surpresa eu tirei meu pau rapidamente e meti em seu cuzinho, doeu, mais valeu a pena, ela gritava muito e pedia para que eu parasse, depois de um tempo ela voltou a gozar e eu também. Nos nos beijamos e eu dei mais algumas chupadas dos peitos dela, nos limpamos e ela saiu se despedindo com um beijo.



Dai em frente, quando eu fico sá em casa ela vem na minha ou quando ela fica sá na loja dela ela tranca tudo e me chama.



Eu fodi minha vizinha!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


2 ome pega uma mulher afosa prafase pornocontos erótico de casada bi certinhameu primo e minha amiga contos eróticoscontos erótico ParáContos com belas picasconto erótico o Enfermeiro da rola de jumentocontos dando minha bucetinhameu pai tem ciumes de mim contos eroticosComtos casadas fodidas na rua por camionistasera menina meu primo batia punheta pra mim olharconto cachorro tirou minha virgindadeconto de encesto meu pai ficou empotentecontos reais minha mae chupou minhha bucetahome acordo de manha com uma bela chupada do paucomendo ela de saia com vizita discretamenteBucetas grandes fog lp iconto erótico. eu minha esposa morando perferiaContos de mãe que adora ver sua filha casada, trepando com seu genromeu marido liberou também conto cucontos eróticos leite incestoconto.erotico.tia.sogra.cunhadacontos eróticosprimosIrmã cuidando do irmão acidentado contos de incesto femininominha tia atendeu a porta sem calcinha contos eroticoscontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anoscontos virei a cachorrinha do meu amigocontos eróticos gozando na filha pequenaconto ertico lambendo buceta ela gem mtoNo motel minha sobrinha ela chupou meu pau eu chupei sua buceta e fudi ela contos eroticos contos dando no banheirocontos eroticos coroas velhas com novinhos tia neuzacontos eróticos gays cu de bebado nao tem donoContos eróticos fedorentaContos esposinha santaminha esposa safada de saia deixo o vizinho a funda a xoxota dela"que buracao" gay contocontos eroticos nifeta d loja rjsubstitui o papai contos eróticosconto minha cunhada me surpreendeucom doze aninhos estrei na vara contos eróticos gaycomi minha cunhadinha contos eroticosConto a tia vadiacontos vizinha feiacomentário de. mulher que ja deu a buceta pro entregador de bebidaRelato picante comi minha esposa no estacionamento do shoppingconto erótico gay com estupro e muito dor e sangue em cima de uma camainseseto commforcarelatos eroticos casadas com negao e velhoConto erotico incesto japones, pais japoneses liberaisdeixo penetrar sem camisinhaeu e minha mulher somos moreno meu filho loiro sou corno ?reais conto de incesto mamae mi deu pro pai e irmao mi comerconto erótico bucetas e cu a minha disposiçãoconto erótico "Um dia minha familia ia fazer um churrasco em casa, e minha mãe chamou "contossexo minha mulher negro pausudoHistórias contos ficticios e reais de sexo com travestiscontos eróticos trair namorado atrãocontos swinger fudendo sogra e sogro bicontos eroticos meu primo me comeuConto Topless surpresavideo de porno o cara foi concerta o icanamento e comel elacontos eroticos gays excitantesconto e foto da Branquinha casada e g*****Contos gay coroacontos esposa nua frente familiaconto erotico dei meu cu em um.lugar inuzitadocorno na minha propria casa contos eroticoconto erotico na orgia com sogroContos eroticos Proposta a trescuzinho de entiada contos veridicomeus tios comeram as camareiras do hotel conto eroticoConto de puta presa e estuprada diariamente por muitos machoscontos eróticos fiz tesoura ate doer a bucetaRelatos sexuais me encoxando na cozinha e o corno na salaRelatos eroticos de professoras casadas brancas que foram usadas por alunos negrosContos eroticos com animaiscontos foi comer a bct escorregou e pegou no cu vijen delamulher escanxa no cachorro e goza gostosotravesti Juliana de primo metendoconto eróticos entre amiguinhas do colégio casadinha inocete. sedo chatagiada contos eroticosexo contos eu e meu filho adotivo fizemos sexo