Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O CAMINHONEIRO ME ENRABOU E O FRENTISTA ASSISTIU

Click to this video!

Li muitos contos de transas com caminhoneiros que me inpiraram a ter essa aventura. Antes de resolver, muitas vezes ficava imaginando o que fazer para conseguir transar com um caminhoneiro sem maiores problemas. Um tempo atrás comecei a trabalhar e precisava viajar para diversas cidades. Em várias dessas eu ficava fantasiando e várias vezes passei a tocar algumas punhetas enquanto dirigia (muito tesão). Passava pelos caminhoneiros dirigindo e colacava o pau pra fora pra ver se algum via, mas nunca funcionou. Certo dia, resolvi viajar no dia anterior ao compromisso, a noite. Parei para abastecer num posto onde estavam muitos caminhoneiros e falei, vai ser hoje. Estava comendo um lanche e quando terminei vi que um caminhoneiro desses bem típicos, com camisa aberta e corrente aparecendo, palitando o dente, porém com corpo todo definido se encaminhou para o banheiro. Fui para o banheiro imediatamente e cheguei lá um pouco antes dele. Fiquei fingindo que estava mijando e quando ele chegou, balançou a cabeça como que me cumprimentando, se aproximou e do meu lado pois uma bela pica pra fora, deu aquela respirada e começou a mijar. Fiquei olhando e foi aumentando meu tesão, então resolvi: dei uma leve abaixadinha na minha calça deixando minha bunda de fora, dei uma empinada e meu pau já começava a ficar duro. Nisso ele percebeu, olhou meio de lado deu uma encarada na minha bunda e pelo visto gostou. Segurou o pau com a mão inteira (um pau bem grosso e grande) deu uma balançada e deu um sorriso. Fiquei com medo e olhei de volta pro meu e desempinei a bunda. Ele parou de mijar e ainda com o pau pra fora se aproximou, deu uma alisada na minha bunda, cutucando meu cuzinho com um dedo enorme e grosso e falou: é isso que você está querendo não é colega? Timidamente balancei a cabeça e então ele falou: fique tranquilo, hoje tô com um tesão da porra e vou fazer esse cuzinho seu conhecer o céu. Gelei, mas meu pau respondeu na hora e cú deu aquela piscada de loucura pra receber uma pica grossa e grande. Ele ainda deu um asegurada no meu pau me puxando pra perto dele e ofereceu sua pica pra mim. Dei uma segura e vi como era duro, grosso e grande. Me chamou pra boléia de seu caminhão e saímos sem gerar suspeita, apesar que de longe eu via aquele imenso volume na sua calça. Chegando na boléia ele não deu nem tempo, me puxou mandou eu tirar logo a calça, o que fiz prontamente. O cara sabia mesmo o que fazer. Me pois de quatro, empinou minha bunda colocando meu cuzinho a mercê totalmente. Me ageitei e ele mandou a lingua que quase entrou na portinha do cú, tamanha força que ele meteu aquela imensa lingua. Fui ficando mole e entregue, nisso ele botou na minha frente aquela rola gigante, super dura e quando me levantei pra chupar, percebi um cara do lado de fora olhando tudo e se punhetando. Era um frentista que estava acompanhando tudo desde o banheiro. Dei um toque pro caminhoneiro e ele me perguntou, você quer que ele participe também. Balencei novamente a cabeça e ele abriu a porta com o pau pra fora e chamou o cara, que não se fez de rogado e vei imediatamente, já com o pau duro pra fora. Os doi pararam na minha frente me colocaram pra mamar. Nem sei qual tinha o pau maior e mais gostoso. Chupei os dois bastante e então o caminhoneiro partiu pra cima e começou a chupar minha pica como um profissional, cada vez com mais tesão, pedi: Meti logo essa pica no meu cu que já não aguento mais esperar. Ele saiu do meu pau e num golpe sá enfiou até o talo. Segurei mas a vontade era de dar um urro, porque doeu muito. O frentista me segurou e disse calma que tem eu ainda. O caminhoneiro socou forte até derramar um jato enorme de porra enquanto eu quase me engasgava com a enorme benga do frentista. Aquele cheiro de graxa, gasolina e suor foi entrando em tudo e aumentando o tesão. Daí o frentista se posicionou pra meter, depois que o caminhoneiro saiu. Esse sabia fazer de tudo e então deu uma chupada no pau do frentista, segurou pra direcionar no meu cuzinho e quando o pau dele entrou inteiro, o caminhoneiro se deitou por baixo e começou a lamber o meu saco, cu e saco do frentista e de vez enquanto mamava no meu caralho me fazendo rebolar na piroca do fretista. Que tesão! Derrepente a velocidade do frentista indicou que ele iria gozar. Aí aconteceu o que eu nunca ia esperar: o frentista tirou a pica do meu cu e mandou o jato de porra na boca do caminhoneiro que não deixou cair uma gota. Enquanto me punhetava para que eu também gozasse. O que não demorou pra acontecer. Gozei como nunca e caminhoneiro engoliu gota por gota. No fim os dois se despediram com um bom e gostoso cumprimento de picas. Cada um deu uma passada de mão na bunda do outro, então percebi que enquanto eu pensava que tinha armado, tinha era caído numa armadilha. Mas satisfiz minha fantasia e não parei mais naquele posto de gasolina, todavia, ainda toco umas punhetas boas pensando no meu cuzinho aberto por aquelas picas gostosas. Quem quiser ver fotos do meu cuzinho, bunda e pica entre em contato.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


sentando na rola do meu pai contos. eróticosconto erotico a buceta enorme da minha esposacontos eroticos casal voyeur sem quererwww.flogdesexo.compauloelizabethcontos bund 130cmPornodoido passistascontos eroticos esporrei-me toda quando vi a piça do preto contos eroticos eu menina engole porra do meu tioLiberei minha esposa só pRa negrão contoscontos eroticos de incesto deixando a irma com ciumesmarido falou p esposa nahora da transa q dar o cu era bomcontos eroticos com escravas sendo humilhadaConto esposa de tampa sexobronzeamento com a amiga greluda contocontos eroticos esposinha e o velhaocontos gay o deflorador de bundinhascontos eróticos chantagem cunhadameu amigo cumeu minha mãe e minha tia 2. conto eroticocontos eroticos atração enteadoconto erótico o Enfermeiro da rola de jumentocontos gay meu primo ensinouContos gay minha primeira vezcontos fiz o cuzinho da mamãeestou sendo chantageada mas não posso contar meu marido quantos eróticosEU TIRANDO FOTO MINHA BUNDA DE CALCINHA FETICHE OLHANDO ESPELHO MINH BUNDAcontos gay afeminadoscontos eroticos pego gostoso o meu filho gueieu liberei minha esposaEnrabei a sobrinha da minha esposa contosMarilia e Juliana estavam mais uma vez fr ente a frente para uma dolorosa batalhaconto novinha gravida do tiomamae beija filhinha contoscontos inserto fatos reais gayorgia sem pudor contoscontos de sexo gay minha esposa viajou e dei com sua calcinhacontos eroticos vovô e netinhoscontos dei minha buceta para o novinho pauzudo na pescariacontos eroticos magrelo sem bundaassustei com apica do meu melhor amigo contosconto erotico dando xoxota pro irmaocontos meu cunhado é corninhover contos eroticos de irma dando pro irmaocontos erótico comadre desmaiou contos com fotos de zóofilia de casadas que curte sexo com animaismeu filho me encoxaram a noite bunduda,contos eroticos primeira vez siririca com 07 anos sozinhanovinha peguei no pinto do cachorro relatoscontos porno velhoconto a empregada me pegoucontos eróticos chantagem cunhadaque enganaram e comeram meu cu sem pena contosContos eroticos/dp com a ninfetinhameu primo chupou meus peitinhos e engoli a porra dele contosconto erotico arrombei o travesti do baile funkmetendo na barba de shortinho atoladocontos eroticos travesti sendo estrupadaContos eroticos orgia forçadaencarei 30cm contosContos virei a puta dos oito negros picudosminha mulher pediu pra fuder minha enteada contos contos incestofode no busconto anal carnuda carentecontos eróticos de prendedor de mamilosconto de sexo ele e ela me comendo muita tapacontos eroticos incesto bate com a pica/na cara/da cunhafaContos eroticos meu filha de seis anos chupa endidaconto esposa assanhada meu pai comeuo sobrinho contosContos comida pelo garotoContos eroticos o bucetao cabeludo da minha tia velhacontos de coroa com novinhocontos genro me comeuconto erotico madrinha pediucontos heroticos gay meu tio de vinte anos me comeu dormindo quando eu tinha novesobrinho punheta contowww.dei a buceta com dez anos contocontos eroticos meu genro se vestiu de mulherputa da ocu pra treis pau acha pouco emfia a maocontos ninfeta lesbica fodde casada hererocontos eroticos punhetaslanny_contosvelho pirocudo comendo filha loira de uniformecontos eróticos cunhado retardadocontos de mulheres casadas que colocaram o dedinho no rabinho de seus maridos e eles adoraramcontos eroticos primo da esposaContoseroticosnoivas