Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A PRIMEIRA VEZ, E A PRIMEIRA GOZADA.

Click to this video!

Olá, neste conto usarei nomes fictícios, porém o fato é real.

Meu nome é Juliana, atualmente tenho 23 anos, mas quando isso ocorreu eu tinha 18. Bom, tenho 1.64 de altura e na época pesava 53 kg, atualmente peso 50, sempre fui obsessiva pelo meu corpo, sempre me mantive magra, e malhava 3 horas por dia. Sou morena, seios fartos, bumbum empinado, mas os seios são o que têm de destaque em mim. Minha histária começa na faculdade, no primeiro ano em que entrei na faculdade, cursando enfermagem, conheci muitas pessoas, mas na minha sala a maioria das colegas eram meninas, porém tínhamos muitos professores e monitores homens. Logo que entrei, fiz amizade logo com uma menina que se tornou uma das minhas melhores amigas, a Valéria mas em função dela ter namorado, saíamos mais em dia de semana do que fim de semana, e eu até então solteira, ficava um pouco sozinha no final de semana principalmente. Eu sempre tive muita dificuldade de me relacionar com os homens, sempre fui bastante tímida, e como eu era virgem nessa época, dificultava mais ainda. Um dia fomos a um laboratário da faculdade estudar e foi ai que conheci Marcelo, o monitor. Um homem muito bonito, alto, moreno, corpo atlético, que mesmo com roupa e o jaleco branco era visível aquela gostosura toda. Me perdi em pensamentos naquele dia, mal estudei sá olhando aquele monitor maravilhoso. Passando um tempo, comecei a conversar com ele pela internet mesmo, até que um dia ele me perguntou o número do meu celular, e eu lhe dei. Vivíamos conversando e era átimo, ele era muito inteligente, cursava medicina, e era uma das tantas coisas que me excitava nele, sua grande e absurda inteligência. Um dia, a Valéria o convidou para sair com a gente( eu ela e o namorado dela) ele topou, e eu fiquei muito contente. Fui para casa na certeza de que iria tê-lo naquele dia, então me preparei toda, coloquei uma lingerie branca de renda, calcinha fio dental bem apertadinha, eu estava o máximo. Coloquei um vestido super apertado com um decote enorme, onde aparecia uma ponta da renda da minha lingerie, fingi que não tinha visto isso, e ninguém me avisou. Fomos em um restaurante e lá pude notar vários olhares para mim, para meu decote, para minhas pernas, me senti feliz, mas desapontada pois o único que não me olhava com outros olhos era o Marcelo, na hora pensei em mil coisas, estava eu feia, talvez vulgar, ou ele era gay? Passei a janta toda distante, não perguntava nada, sá respondia, e a Valéria percebeu meu desanimo, e fomos ao banheiro juntas, contei tudo a ela e ela me disse que era pra eu me insinuar mais, que aquilo era porque ele não estava acostumado a me ver assim, resolvi seguir o conselho dela, e voltei para a mesa, mexi no cabelo, lançava olhares provocantes nos quais nem eu sabia que sabia fazer. Antes de irmos embora, resolvemos de ir para um bar anexado ao restaurante, e começamos a beber, a Valéria e o namorado foram dançar e eu e o Marcelo ficamos a sás na mesa, no início fiquei muito nervoso, aquele cara me atraia demais, continuamos a beber, e eu já estava bem tonta, comecei a esfregar o pé na perna dele, subindo até perto do pau, e ele pegou meu pé por baixo da mesa, tirou minha sandália e começou a massagear meu pé, aquilo foi me dando sensações maravilhosas, até que ele discretamente levantou e pegou na minha mão me levantou e saímos do bar, entrei no carro dele, nem eu não sabia direito aonde estava indo, o restaurante era mais afastado da cidade, ele parou em lugar muito escuro e começou a me beijar, e tirar a roupa, e eu mais que depressa, um pouco bêbada ainda fiz o mesmo, pulamos para o banco de trás, e ele tirou a cueca com aquele pau enorme e grosso fiquei apavorada com o tamanho, achei que quando entrasse eu ia morrer, mas mesmo assim fui, ele tirou minha calcinha com a boca e começou a me chupar, foi a melhor sensação da minha vida aquela língua dentro de mim, até que ele subiu mais um pouco e começou a chupar meus peitões, quando ele penetrou, gemi um pouco de dor, e ele deu uma risadinha, devia saber do tamanho do seu amigo, ele alternava penetradas fortes e aceleradas, colocava a mão na minha boca pra eu não respirar e ai soltava, e saia, ele botava sá a cabecinha na portinha da minha xana me fazendo delirar de prazer, até que ele me virou de 4, e me comeu como se eu fosse uma cadela, mas ao mesmo tempo foi super delicado, no fim de tudo eu não estava mais me aguentando eu ia gozar, mas estava com medo do que ele ia dizer, até que ele se pronunciou dizendo: " Você é forte heim" e ai senti um jato dentro de mim, ele havia gozadooo e então não me aguentei gozei litros também, não consegui me conter, eu não sabia mais o que fazer, estava totalmente entregue, perdi a virgindade com o cara que mais me atraia e gozei muito gostoso ao mesmo tempo, por fim nos beijamos e voltamos para o bar. Depois daquele dia ainda me encontrava seguido com ele, e faziamos muito dessas até na faculdade um dia, com muito tesão demos uma rapidinha, foi uma delícia. Faz tempo que não saimos, mas ainda o vejo com frequencia, sempre invento uma dor de cabeça ou um resfriado pra me consultar com o Dr. marcelo vulgo prazer.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos/ morena com rabo fogosoContos.encesto.mae.desfila.de.calcinha.pro.filhoconto eroticos aguentei mais d vinte e dois sentimetro d rola d meu sogrofui consola a cunhada contoscontos eróticos adotiva novinhacontos eroticos a bunda do meu irmão caçula é uma tentaçãocontos eroticos velho na praia de nudismoempregada ê chantageada e tem que dar para seu patrao o cabacinhocontos de coroa com novinhocontos erótico perdi a virgindade da b***** e do ku com meu patrãotetas da sogra contosconto titio me fudendoContos erotico como minha cuinhada mais velha de 45anos.Contos eroticos eu meu tio e minha mulhercontos eroticos, casada nova surpreende marido em cine pornocontos eroticos marido come o cu da deficienteassistir pornô mulheres libiscos com muito tesãoContos eróticos estreiando á xaninhacontos de sexo com velhos babõescontos/ morena com rabo fogosoContos eroticos minha esposa e um meninocontos eroticos fui leva a gostosa da cumade beba na casa delacontos eroticos mendigo gays orgialeitinho no copo. contoscontos eroticos meu sogro me pegou a forçaconto gay dei para meu filhoReatos eroticos quando eu era uma moça meu tio me penetrou com forçamamando na vara feita bezerrinhacontos eróticos de velhas crentes donas de casadei a bunda contoseu quero história comendo a minha vizinha e ela nem dá bolavoyeur de esposa conto eroticoconto erótico meu filho pediu uma espanholacontos eróticos de minininhas que adorava ser abusada dormindoContos eróticos reais de Angolameu marido abriu minhas pernas e tirou minha virgindadeContos passeando de carro usando cinta liga e fio dentalContos de loiras com negrospono vitgen nãoa aguentiu epediu p parammeu padrasto viu minha buceta contos eroticoscontos caipiras amadores bucetascontos eroticos traindo marido na Sala ao ladoconto gerou comer a sogracomi minha tia no escuromeu sobrinho menor conto eróticocontoseroticos assaltocontos eróticos fetiche com boca de velho chupando pintocontos eróticos velhapuxa agarra japinha cabelos pornocontos eroticos de afilhadas novinhas.garotos safadinhos picas e bundas videoscomi uma contocontos eroticos filha da minha namoradaconto de dei o cu para uma pica grande do meu patrão que me rasgoucontos eroticos - arrombando cuzinhoNegão e minha filha contos eróticoscontos eróticos reais de mulheres evangélicasinterando pica cunhadafodida no onibus por coroa contoschupando coroa contocontos eróticos medindo com meu gordinhovi minha esposa dando mole contossexto de roupas sujas contos eroticoscontos eroticos casado medico gordinhoconto erótico o capataz tarado pelo viadinho de calcinhaContos eróticos Bebêacampamento com aluninhas 2 contos eroticoscontos eroticos sou coroa viuva e dei minha buceta pra um muleque roludovideos de meninas fudedo co casorocontos de corno enrabadoouvido no quarto a irmã transandochupou o pau no karatê ele gozar na cara delacontos de sexo comi minha sogra vadia na frente da irma delaMães chupando filho contoseroticosFui com um coroa pra sua lancha ele me fudeu conto eroticocontos eroticos cuspe punheta