Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TESÃO DO LOTAÇÃO 2

Tesão do Lotação 2
Continuando o conto:
Eu fiquei apavorado quando vi o carinha que depois fiquei sabendo que se chamava Dudu. O que eu chupei era o Pedrinho. Ele entrou num quarto e depois chamou seu primo: Pedrinho vem aqui no computador pra vc ver. Pedrinho me puxou pelo braço e entramos no quarto. Ele mostrou o filme no computador. Tinha até um close do meu rosto com o pau do Pedrinho dentro da boca.
Eu fiquei apavorado e disse: Apaga isso cara. Dudu disse: A menina não gostou naum? Quem sabe eu o coloco na rede? EU pensei comigo: Tou fudido agora. Dudu: Vou pensar um pouco aqui Viadinho. Quem sabe eu não mando? Vai depender sá de vc. Eu: Como assim? Dudu: Voce sabe Bichinha. Num vem cum esse papo naum. Voce sabe muito bem o que quero. Ele tava de cueca e deu pra observá-lo bem. Era um cara da minha altura mais ou menos, cabelo castanho bem claro quase loiro, corpo normal mais pra magro, um rosto bunitim com uma barba cerrada por fazer, pernas peludas.
Ele ficou de pé, pegou minha mão e levou até o pau dele e disse: começa logo. Faz um carinho nele vai. Eu sabia se não fizesse ele ia colocar o filme na net e aí eu tava fudido. Eu apertei o pau dele e senti que ele começou a crescer. Ele disse: bate pra mim. Eu tirei o pau dele da cueca e pude ver que era menor que o do Pedrinho. Eu comecei a bater pra ele. Ele falou: agora chupa. Eu ajoelhei e comecei a chupar. O pau dele cabia todinho na minha boca, pois devia ter uns 19 cm. Ele disse: Cara tu tem que aprender a chupar. Ele sentou na cadeira e falou: Senta no meu colo. Eu sentei e senti seu pau durasso no meio de minhas pernas. Ele foi e colocou o dedo indicador dele em minha boca e falou: faz o seguinte lambe meu dedo, chupa como se fosse um pirulito, isso bem forte engole o dedo inteiro e eu engolia. Agora passa a língua em volta do dedo, bem na ponta. Eu fiz tudo como ele falou.
Ele falou: agora vamos ver se aprendeu. Eu levantei do seu colo, fiquei de joelhos e passei a chupar o pau dele. Ele disse: Leke inteligente, já melhorou, aprendeu depressa. Eu chupava, engolia o pau dele que ficava todo dentro de minha boca. Daí ele começou a apertar minha cabeça contra as coxas dele. O pau dele começou a inchar e ele segurou minha cabeça e começou a gozar dentro de minha boca. A porra dele tinha o mesmo gosto da do Dudu sá que era mais grossa. Eu engoli tudo.
Eu levantei e disse pra ele: Agora apaga o filme. Ele disse: Esquece Leke, esse filme é mais caro que vc pensa. Ele falava e passava a mão em minha bunda. Eu olhei de lado e observei que o pau do Pedrinho já começava a endurecer. Eu sai do quarto e fui a sala pra pegar minha roupa. Quando peguei minha cueca pra vestir o Pedrinho disse: Aonde vc pensa que vai? Vai ficar aqui a tarde toda. Tem dois machos aqui e vc não vai nos deixar assim naum. Ele acabou de falar e me tomou a cueca, pegou a bermuda e a camisa no chão e levou pro quarto.
Eu tava pensando na fria que entrei quando o Pedrinho veio e me pegou pelo braço e disse: Vamos ali ao banheiro. Vou comer seu cu, mas quero ele bem limpinho. Eu falei: Cara sou virgem eu não quero dar naum. Ele: Mas eu quero comer. Anda logo e me deu um tapa na bunda e me empurrou pro banheiro. Ele abriu o chuveiro e me colocou debaixo dele. Tirou a cueca e entrou no box também. Aí ele me colocou com a barriga encostada no azulejo da parede e pegou aquela mangueirinha do chuveiro, tirou o chuveirinho dela e tentou enfiar ela no meu cu. Doeu e eu falei: Ta doendo cara, num faz isso naum. Ele falou: Espera que vou dar um jeito e apertou meu corpo contra a parede e começou a passar seu dedo indicador no meu cu. Ele foi passando o dedo aí ele passou sabão no dedo e tentou enfiar no meu cu. Doeu e eu reclamei e tentei sair do box.
O Pedrinho chamou o Dudu e disse pra ele: Me ajuda aqui. Segura o viadinho pra mim. O Dudu entrou no Box encostou-se à parede e me segurou de frente pra ele. Ele passou os braços em volta de meu corpo e me colou no corpo dele. Meu pau começou a relar no pau dele e começou a subir. O dele também. Ele disse: o viadinho ta gostando. Passa shampoo no dedo e enfia nele. Pedrinho passou shampoo no dedo e em meu cu e começou a enfiar. Eu comecei a gemer de dor. O Dudu chegou e colou a boca no meu ouvido e disse: Geme bichinha. Agora tá indo sá um dedo. Quero ver vc gemer é com meu pau no seu cuzinho. Pedrinho enfiou o dedo todo no meu cu e deixou lá um tempo. Enquanto isso ele dava uns tapas na minha bunda. Daí ele tirou o dedo e tentou colocar dois dedos de um a vez. Eu gemi. O Dudu me apertou e enfiou a língua em minha orelha. Subiu uma friagem na minha coluna e meu pau ficou duraço. Ele falou: Tá gostoso né bichinha. A dor dos dois dedos era grande, mas eu tava gostando, sá não deixava transparecer.
O Pedrinho tirou os dedos e começou a colocar a mangueira no meu cu. Ela entrou mais fácil. Daí ele ligou a água. Depois de um tempo tirou a mangueira pra eu expelir a água. Fez isso umas quatro vezes. Ele falou pra mim: Olha viadinho, eu vou te comer sempre, pois vc vai ser minha mulherzinha de agora pra frente, mas toda vez que for dar pra mim vai ter que fazer isso viu. Daí ele me deu um tapa na bunda e falou: Agora vamos pra sala pra eu tirar suas pregas, cabacinho. E me jogou uma toalha pra secar. Eu já imaginava a dor que iria sentir, mas tava meio tranquilo pois com os dedos eu até achei gostoso. Já tava mesmo era a fim de dar.
Ta meio longo, mas gosto de contar detalhes. Vou para por aqui e depois continuo. Escrevam pra mim: [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos eroticos comeco na infanciaFoderam gente contos tennshumilhada no boquete contoscontos erotico de estuproporno club conto eroticos de meninos gaysagua mole pica durasexo gostoso foda maravilhosa grita quando o pau entra ui delicia mete essa vara na minha buceta no meu cu chupa a minha buceta vai porra ai que gostoso essa pirocacontos eroticos esposa fio dentalcontos eroticos mulher testemunha de jeovácontos sexo família bimurhler.abusada.estrupradocontos de cú de irmà da igrejaeu minha esposa meu comadre ea comadre contocontos meu amigo esta um bom tempo sem mete apica dele e muito grande egrossa eu vou da pra elecontos de incestos tesao pelos pezinos da minha maecontos eroticos de estrupoConto erticos menina sendo estrupada pelo pai no matocuzao frouxo da mamae contos fotocontos eroticos de enteadascontos eroticos no acampamentocheirada e dando a bunda contoscontos eroticos ninfeta detalhadocumadrecavalana casa de swing recife contominha vizinha de calcinha me chama em sua casa contos eroticoscontos de cú de irmà da igrejaconto erótico meu marido bobãocontos eroticos na casa abandonadaContos namorada e o velhomenina sapeca esperou a tia sai e foi bulina com o tiocoroa sendo assaltado e estupradoconto erotico rabominha cunhada traindo meu irmao com o patrai contoscontos Eroticos com Robertacontos eroticos casada visitando a fazendaContos com espermafico de shortinho na boleia do caminhaocoloco sobrinha no colo contocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casafilha tesudinha do papa contosicomtos de sexocontos eroticos dormindo e acordando com cutucadascontos eroticos meu sobrinhowww.conto erotico de novinha que na infansa foi comida pele um negao conhesido contos eroticos da esposa escravizadasalva vídeo porno mulhe afosa outra mulher chupa ah buceta cheia de sebocontoseroticos sogra e genro na agua da praiacontos cara comeu minha mulher devaga pra mim nao ver contoscontos eroticos/narrafos safadod/gemidosconto erotico pai e filho novoestrupando visinha desmaiada por remedios contosCasadoscontos-flagrei.Contoseroticoscomsogrosexo meu irmao quer fazerconto porno a virgem babiMinha mãe colocou silicone e ficou gostosa contocontos eroticos,minha sobrinha cresceuFoderam gente contos tennscontos vi meus pais transadocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eroticos dando o cu na praialambendo a calcinha da esposa safada contostravesti seduz o entregador de pizza e mete no cu delenegoes jegudos na punhetaminha sogra viúva ela tava comigo no meu carro ela disse pra meu genro vamos pro motel conto eróticocontos eroticos virgem se masturbandofilho da vizinha contoConto de punheteiros com punheta a doismeu namorado me fez de putaContos: comendo 2 irmãsprimeira gozada na boca contosFoderam gente contos tennsconto atochada corno xxxcontos eroticos comi a vendedora evangelicapadrinho comer afilhada cem pentelhocontos bundão arrebitadofui com minha namorada e transei com minha tia conto eroticoSubrinha sapeka adora usa ropinha provokante para da para mimcomto erotico enteada na cachoeracontos eroticos adoro ver uma travesti jemendo na miha picaminha esposa transou com um cara e eu assisti conto eroticoContos eroticos cegocontos eróticos eu como minha sobrinha na frente da minha esposaquero uma buceta envolvendo meu pauContos erótico pombinha inchadaContos erotico peguei minha mae a forçarelatos eroticos casadas com negao e velhoSou casada fodida contoMinha mulher voltou bebada e sem calcinha em casa contosMinha sobrinha pediu para eu dar um shortinho de lycra pa ela usa sem calsinha para mim contosporno com prima e irmaimagemtitio caralhudo noivo corninho safado noiva putinha contos eroticosum bode fudendo variss cabritinha vigemnao vou aguentar tudoconto eroticoFoderam gente contos tennscontos eroticos duas amogas se masturbando freirasConto homemchupando a buceta delacontos eroticos minha ex abriu a mente