Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PEGOU UMA CARONA E DEU O CUZINHO...

Click to Download this video!

Ana é uma mulher de 25 anos, casada deste dos 19 anos ela sempre guarda suas fantasias, vontade de conhecer coisas novas. Foi o que aconteceu com ela.rnrnEla trabalha como secretária bilíngue. Na volta do trabalho sempre pega uma carona com Talles, que trabalha na repartição ao lado, ele sempre muito gentil, atencioso com Ana, até demais, diga-se de passagem. Os dias se passaram e as coisas começaram a ficaram mais quentes. Ana percebeu um jeito diferente no olhar Talles. Ele olhava com desejo, e começou a elogiar seu corpo, dizendo que eu era muito atraente. Os dias passaram, as conversas foram ficando cada vez mais picantes, até que na sexta-feira ele mudou o caminho com a desculpa que chovia muito. Depois ele parou o carro em uma rua deserta, perto de umas árvores, o coração de Ana disparou, sentiu a voz de Talles tremula, estava dominado de excitação, ele dizia que se masturbava pensando nela, e que ia chupa-la todinha ali mesmo.rnrnAna sentiu um frio na barriga, Talles pegou na mão de Ana e colocou na calça dele, Ana sentiu aquele volume pulsando pela calça de Talles, então Ana abriu o zíper da calça de Talles e começa masturbado ele que gemia alto. Talles abaixou a saia de Ana deixando a mostra seu pequeno fio dental vermelho.rnrnEm pouco tempo Ana e Talles estavam no banco de trás do carro e Ana de bumbum pra cima. Ana sentiu os dentes de Talles arriando seu fio dental até meus pés, não demorou e Ana começou a sentir o calor de sua língua em sua xoxota úmida.rnrnAna delirava de prazer a cada golpe de sua língua, soluçou de excitação quando sentiu sua língua correr pelo seu cuzinho que piscava sem parar. Ana louca de excitação pegou no braço de Talles sentando-o no banco do carro e com suas mãos massageando o cacete de Talles passou a língua na cabecinha do cacete dele. Talles olha para Ana que colocar seu cacete todinho na boca.rnrnEnlouquecido ele chupar seus seios fartos e Ana geme.rnrnAi, Ai, Ai!rnrnQue gostoso!rnrnSeu safado chupão de minha xaninha.rnrnArromba sua amiga meu gostoso...rnrnTalles começou a golpear sua xaninha em uma estocada seca com seu cacete, lhe fazendo gemer como uma putinha no cio.rnrnAna sentia suas bolas batendo em sua bundinha, e seu suor caindo em suas costas. Logo seu cacete passeava pela portinha do seu rabinho, ela dizia:rnrn- Hummm! Hummm!rnrnQue pau gostoso!...rnrnMete! Mete! Mais! Mais!...rnrnQuero gozar! Quero gozar!...rnrnAi não, que cacete gostoso, você que arrombar meu cuzinho seu safado. Talles diz que sim e Ana pedi para Talles fuder seu cuzinho.rnrnFodi, fodi, seu tarado, fodi bem gostoso meu cuzinho virgem, meu marido nunca tocou nele, mas você chupou e merece foder ele bem gostoso.rnrnA chuva aumentou e Talles chama Ana para fora do carro e Ana vai. Ana fica abaixada se segurando na mala do carro e Talles passa o dedo na sua xaninha e no seu cuzinho e coloca na boca dele. Ele dominado pela tara enterrou de uma sá vez aquele cacete em seu pequeno rabinho, lhe fazendo chorar, Ana viu estrelas, sentia dor e prazer ao mesmo tempo.rnrnFicou tonta de prazer e tive um orgasmo.rnrnLouca ao sentir aquele jato de porra inundar seu rabinho.rnrn Ana ainda lembra-se do grito de excitação que Talles deu ao encher seu cuzinho de porra.rnrnQue cuzinho apertadinho!rnrnGostoso vou fode-lo todinho minha putinha. rnrnAna dizia:rnrnFodi-me todinha meu tarado e rebolando no cacete de Talles sentiu que tudo foi inesquecível.rnrnAna ao chegar à sua casa mais tarde teve de dar uma boa desculpa a seu marido. rnrnAna disse que estava com uma dor de cabeça muito forte, mas ao tomar banho ela fecha a porta e lembra-se da trepada que deu há poucos minutos e foi dormi com seu rabinho doendo, mas muito satisfeita, muito satisfeita pensando na práxima vez como será.rnrn rnrnObs: os nomes foram trocados para mantém a identidades dos personagens.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos me fuderam atraves de chantagensfotos de loira sapeca abrindo as pernas a abrindo a xana rosaproposta indecente de colega porno de trabalho a casadaContodeputaconto com foto dei uma forsa po meo irmao come a fia delizoofilia mulher carente arruma um componheiro pra lir da prazerponogafico morena25 gotojaContos eroticos dando para o amigo bunda grandecontos eroticos exibicionismoesposa lesbica contosmeu primo mobral contocontos, brincando dei para primonhaconto gay estupradocontos eróticos arrumando macho para a esposaconto pequena minha sobrinha vinha me visitar pra ser encoxadacontos erotico de ninfeta dando a buceta pro tio dormindoaudio conto eroticos aluno comendo a professoraConto erotico peguei.minha filha novinha arombei elacontos prima batendo uma pro primoconto erótico viadinho vai morar com os tios e tem que usar calcinha e short de laicramora Nana bem gostosa da bundona bem grandes eu dental bem deliciosa nétanguinhas usadas da minha mulher contos eroticoscontos eroticos primo da esposaRelatoeu meu amigo comeu minha esposa e eu mim dei mauconto erotico onibusvisinha casada o novinho contos com fotosFoderam gente contos tennsSubrinha sapeka adora usa ropinha provokante para da para mimcontos vazando porraestourei o rabo da minha cunhada contopassando a mao no grelhocontos euroticos porno tia luciacunhada casada e timida linda contosContos eróticos: menininha da a buceta pro camioneiro bem dotadocontos eroticos vovo encoxando netaMulher negra fodendo com o sogro contosporno fred e vilma do fristoncontos de incestos e orgias entre irmas nudistasContos eróticos: menininha da a buceta pro camioneiro bem dotadomauvado tirando cabasso da noivaocuzinhomaisapertadocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eroticos prima cavala ingenuagordinho tetudo conto eroticonudismo com meu irmaocontos mordidinha na bucetaporno home pau motruoso no cu de odro homeconto erotico gay com cunhado velho coroa grisalhocontos eroticos minha esposa sonhava em dar pra um cavalo e ela conceguiuMinha sobrinha pediu para eu dar um shortinho de lycra pa ela usa sem calsinha para mim contoscontos eroticos foi so minha namorada pra eu come amiga biscate delacontos erotico marido bebado cornocheiro calcinha mar massagem conyoContos eróticos de mamãe ensinada a filha ser putaMenina curiosa indo no circo pela primeira vez contos eroticosCasada viajando contoscontos eroticos jingridcontos eróticos tio f****** sobrinha casadaconto erotico com meu sogro peladocontos Recém casada traindo marido com dono da casaContos eroticos com o rodo do banheirovideo pono pequano aprima do midovideo porno colocando minha sobrinha pra chupar em salvadorfui com a titia na praia de nudismo e quando chegamos em casa ela me deu o rabao xnxxhomens rústicos fodendo com garoto que dorme na sua casasou carente meu sogro pintudo contoscontos de submisso chantageado pela amante torturadocontos eroticos gay fui enrrabado apanhei e gosei com um desconhecidocontos mandei minha esposa chupar meu paihomem deixar você anda mulher toda arreganhada tanto transarConto gay heteroporno comtos corno vendo cu da mulher depois que negao aromboucontos eróticos gay putinha pedreirosPorteiro amigo do meu pai me fodeu contoeroticoContos casadas reais com permisao do maridolevantando minha saia contoElas quizeram isso contoscarona pra vizinha contos eroticoscontos eróticos mae filho a viagemFoderam gente contos tennscontos de coroa com novinhocoitado do meu cu contos