Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TRANSA NO PARQUE

Click to this video!

Uma Transa na Lagoa do Taquaral





Eu me chamo Paulo (nome fictício), tenho hoje 25 anos, e vou contar uma historia que se passou em Janeiro2001; bem tudo começou numa balada de sábado em um festival de Pagode em CampinasSP, onde conheci Mara, um linda mulher dona de um belo corpo, uma bunda maravilhosa em outras palavras (que Mulher Gostosa), onde convidei para dançar e começamos a conversar, tive que xaveca muito para poder beijar aquela boca maravilhosa, com lábios carnudos e com gostinho de morango, uma delicia, e ficamos a noite toda e combinamos de nos encontrar novamente em outra ocasião.

E assim nos encontramos numa Sexta-feira, e fomos para o Parque Taquaral, comer algo e dar uma volta na lagoa.

Assim que chegamos, ela disse que gostaria de andar no bosque do parque, antes de comer, e fomos, ela estava usando uma saia comportada, mas com aquela bunda, deixa todo homem que passava por nos de boca aberta e mingúem resistia e olhava mais de uma vez, e eu me sentia um privilegiado ao lado daquela mulher e logo que entramos no bosque ela me disse que tinha gostado muito dos beijos que tinha dado no final de semana passado, que não parava de pensar em mim e que não via a hora de estar a sás comigo, imagina o que pensei (¨Meu deus o que fiz para merecer esse avião¨), ta certo que eu tinha caprichado mas nem tanto assim, e então disse: - Você não viu nada, espera sá pra ver o que tenho pra você, e ela respondeu: o que você tem, então dei um beijo bem molhado, um abraço apertado que foi correspondido no mesmo nível, o que nos deixou sem fôlego e fui dando mordidas na orelha e enfiando a minha língua dentro delas, e comecei a chupar seu pescoço cheiros e comecei a senti que o seus seios foram ficando cada vez mais durinhos, e Mara estava ficando com tanto tesão que sentia ate os arrepios delas as tremedeiras nas pernas mão e a respiração já ofegante, então ela começou a chupar meu pescoço, meu queixo e passando a mão no meu peito e descendo cada vez mais ate chegar em minha virilha e passando a mão de leve em minha pica que naquela altura já esta quase estourando minha calça de tão duro que estava, o que me deixou muito mais tesão e fui logo apertado sua bunda e descendo chupando seu pescoço, mordendo seus seios por cima da blusa ate chegar em sua barriquinha onde tirei sua blusa e voltei chupando seus seios sua barriga e ela delirava de dando tesão quando ela tirou sua saia, deixando a cair, e para minha surpresa ela estava bem preparada sem calcinha, então foi logo chupando sua bucetinha molhadinha, que estava raspadinha e cheirosa uma delicia e chupei ate ela gritar NÃO PARE estou gozando e atendi seu pedido, não parei e tomei to o gozo dela, depois de ter gozado ela disse; minha vez e começou a mamar na minha pica, meu deus ela chupava como mingúem ate hoje chupou, então começou a chupar minhas bolas, e começou subir para minha barriga e disse que não aguentava mais e queria que eu a penetra-se dentro daquela bucetinha e foi o que fiz coloquei ela de quatro na mezinha do parque e comecei a chupar novamente e coloquei a cabeça do pau que já estava latejando de tanto tesão, então fui enfiando bem devagarzinho e ela gemendo pedindo para enfiar tudinho dentro dela, e eu que não gosto de contrariar enfeie com toda minha forme de uma vez tudo e ela começou a rebolar no meu pau e disse que ele tava parecendo pedaço ferro de dão duro que estava e que estava ficando louquinha, e ficou mais louquinha ainda quando disse que iria fazer ela gozar e depois iria comer seu Cúzinho apertadinho e ela disse não nunca tinha dado, e eu disse que tudo tem um primeira vez, então ela continuo rebolando e eu acelerando o vai e vem e comecei a enfiar meu dedo dentro daquele cuzinho até ela dizer me fode mais forte que estou quase gozando então comecei a foder e ela gozou gritando não pare, não pare, ate ela entrar em estado de choque paralisando e endurecendo as poupas da coxa e bunda, e ela se virou e começou a me beijar e chupar meu pau novamente dei um descanso para ela, e disse que agora iria foder o seu Cuzinho naquela hora, então ela se virou e disse por favor bem devagarzinho e assim comecei coloque meu pau que ainda esta duro que nem um ferro no cuzinho dela e ela começou a sentir um pouco de dor nas logo foi ficando a louca novamente e disse continue e eu enfiando a língua em sua orelha e mordendo e a mistura de dor e prazer que ela esta sentindo foi me dando mais tesão e o medo de alguém aparecer me deixa louco pois ela estava gemendo alto e pedindo para ir devagar esta doendo e eu continuava a enfiar e comecei morder seu pescoço e sua orelha quando ela deu por conta já esta sem dor, e assim começava a sentir muito tesão e comecei foder mais forte seu cuzinho e ela não se contendo mais começou a gemer mais alto ainda e fui me empolgando de tanto tesão e forcei mais, quando ela deu um grito me fode e comecei foder de verdade com muita vontade, que não aguentava mais comecei a gozar que nem um cavalo dentro daquele cuzinho apertadinho e ela se virou e começou a chupar e limpar meu pau e ficamos ali um pouco parados, mas depois de tanto meter estávamos cansados que nem comemos e nem damos a volta na lagoa e fomos direto para um casa dela, que já faz parte de outra historia, que vou contar.



Thupety.



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erótico irmão vomitou roupadepois que o irmão ensinou ela a atividade a irmã da xoxota para o irmãovizinho tezudoconto erotico bebado estranho me comeu no becofodida no onibus por coroa contossenta no colo do seu irmao contosPasseio de lancha com um coroa conto erotico conto eróticos dei para meu sobrinhoTenho 60 anos e minha bunda ta se mais contosconto eróticos na sapatariacoroa da buceta griluda espirando poro logecontos eróticos de bebados e drogados gaysdando pro genro. contos eróticossexo contos deposito de porracontos massagem colegaxvidio tinho berbado asubrinha fica taradaquero ver contos de fada tia dando a bundinha para sobrinhomalandrao dando o cuzinho pra boy malhado contoconto erotico peguei um filhote de cachorro e ele me fudeucontos eroticos ai meu gostoso mim come todinha vai faiz o que vc quiser comigo vai meu gostosoporno gorda pula em cima do rosto da amigafudendo as eguinhas e.novilhas na fazenda contos eróticoscontos eróticos Bombeiroeu quero a mulher da b******* grande de fio dental na regata do c* da bundonacontos consolei a mulher do meu amigoconto estuprando a excoroa me rasgou contocamila da o cu ao pedreiro contostravesti de vestido e botinha querendo pica na bundinhafui fudida ainda de calcinhaContos eroticos incesto meu maridoconto erótica- meus amigos fuderam minha noivaconto enterrando a ate o talo no cu da mamaecontos cunhada crentefiquei de 4 e ele montou socando xingandocontos de marido bem dotado querendo ver a mulher com duas picas no cu e bucetacontos incesto mãe fofinhameu amigo pediu pra eu comer sua namoradacoroas ensaboando cacete do jovenContos eroticos perdendo a virgindadecuriosidade da minha filha no meu pau contosnão sei como ela aguenta toda no cu e na boca está pica giganteContos eróticos coroa casada na praiaSexoincestocontoswww.goroa nis Sogra fudendocdzinha esposa corno contocontos eroticos viagem ônibuscasada meu patrao me comprou e arrobou meu cu virgem contos eroticoscontos eroticos glaucia cdconto erotico gay viciei na porraFodi a enteada a cunhada e sobrinha na praia de nudismo contoerooticotraveco dominando e excitando macho em banheiro, contos com fotoscontos de coroa com novinhocontos amigo dorme em casa esposacontos eróticos de tirando o cabaço das cunhadashistorias verdadeiras de maridos que fragaram as esposas dandocomendo a tia muda e surda videos de sexocontos eroticos so eu e meu gato na chacaraCasadas com tio contospintelhos na transparencia das cuequinhascontos meu marido adora me ver sendo chupada por outra mulherconto porno come o cu da minha cunhada e a amante e sua amigavou rasgar sua boceta vagabundacontos de incestos e orgias com minha cunhada gravida minha irma nudistascontos dei pro meu genrocomeu uma gordinha no onibus em viagem contos eroticostraveco roludo patendo puenta derepente chega a mulher bem gostozasexo arrombaram minha maeminha tia coroa crente de 57 anos contocontos bebendo gozo do militarcontos eroticos caguei no pau do meu padrinhocontos eroticos comendo noracontos papai i eu na sala com um amigoCamila minha enteada com a b********contos: safadezas de um velhoConto mete tudo papai