Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A MIMHA PRIMEIRA VEZ QD TINHA 13

Click to Download this video!

É a primeira vez que relato uma das minhas experiencias... apesar de ser apaixonado pelas linhas femininas sempre tive fascinio por homens. A minha primeira experiencia passou-se quando entrei na escola secundaria, teria eu uns 19 anos, tinha dois amigos que andavam sempre comigo, éramos inseparáveis, luis louro olhos azuis pele clara e Tiago moreno cabelo comprido definido.

Por vezes dormiamos em casa uns dos outros para que podessemos sair á noite. Numa dessas noites Luis ficou em minha casa pois tinhamos ido a um concerto e deitamo-nos tarde, como não queriamos fazer barulho para não acordar ninguém decidimos dormir os dois no meu quarto que sá tinha uma cama, pois assim ele não teria de ir dormir para o quarto junto ao dos meus pais, deitamo-nos ao contário um do outro para não ficarmos muito juntos e adormecemos rápido .

De manha quando acordei vi uma mensagem a dizer que os meus pais tinham saido e estariam fora todo o dia, como Luis ainda dormia Deixe-me estar na cama ao lado de Luís, pois era inverno e estava frio fora da cama. Quando dei por mim Luis tinha o pé dele a esfregar o meu pau. Rápido fiquei teso e chamei por ele, e ele responde:

-“Tás a gostar?”

- “Claro que sim” – disse eu

- “Então continua que eu adoro”

Não aguentei a passei-lhe o pé pelo rego, ele abre as pernas e deixa que eu o massage longamene até que cheguei ao pau dele que já tava bem duro.De repente esconde-se debaixo dos lençois e senti uma mão a subir as pernas até ao meu pau duro e sinto uma boca quente a engolir o meu caralho. Que bom. Luis mamou-me até quase me vir, depois pedi-lhe para se virar para que o podesse mamar também, que ele faz prontamente. Fizemos um belo 69, eu por baixo e ele por cima, enterrou o pau todo na minha boca enquanto que mamava o dele, depois diz-me:

-“Mama também o meu cu que vais adorar.”

Mal ponho a lingua no buraquinho dele ele gemeu de prazer:

-“Assim, assim... ai que bom...”

Depois sai debaixo dos lençois e senta-se em cima de mim e enfia o cu devagar até enfiar todo o meu caralho dentro dele. Adorei, gemi de prazer, comi o cu dele até não poder mais e virei-o de costas e comi-o outra vez até me vir dentro dele. Mal tirei o pau de dentro dele ele atira-me ao chão e diz para o mamar, mete o pau todo dentro da minha boca e mamei-o com prazer até o ter bem duro enquanto que massajava o meu buraco com os dedos. Depois levanta-me as pernas até aos ombros dele e começa a comer o meu rabinho. Para ser sincero nem doeu, adorei á primeira, aquela sensação boa, girtei e gritei mas ele não parou, eu sá gritava:

-“Come-me mais....não pares....se paras fodo-te todo...ai assim lindo....ai...vai....”

e ele sá parou quando nos vimos os dois.

-“Que bom” diz ele. “Há muito tempo que queria fazer isto contigo”

-“Também eu” – pois também eu.

Beijamo-nos, fomos tomar banho juntos e mal o vi nu não aguentei a beijei-o de novo. Ele agarrou-me e começamos a beijarmo-nos loucamente e a bater punheta um ao outro, depois pega num sabão e deixa cair para o apanhar virando o cu aberto para mim. Que visão, fiquei logo louco... Mal me estava a posicionar para o comer de novo toca a campainha. Disse-lhe para esperar pois devia ser a mulher que levava o pão, pus uma toalha de volta da cinta e fui á porta. Era Tiago, abri-lhe a porta e pergunta-me se pode entrar, disse que sim e que esperasse na sala que eu acabasse de tomar banho. Fui avisar o Luís, mas ele pouco ligou. Beijou-me, mamou-me o pau e pediu-me que o comesse todo. Por momentos até me esqueci que o Tiago estava na sala e comecei a comê-lo. Encostei-o á parede arrebitando o rabo ligeiramente para mim, abri as náguedas e enfiei bem devagar enquanto que o beijava. O Luís começou a gemer de prazer e o Tiago entrou na casa-de-banho atraído pelo baralho. Mal nos viu juntos começa-nos a gozar e a chamar de larilas, e nás no gozo perguntamos-lhe se também queria. Tiago começou a dizer que eramos loucos em sequer pensar, e ia embora. Mas dissemos-lhe:

- “Não queres pelo menos que te chupem o pau?”

Parou e disse:

- “ Se ninguém ficar a saber!!!”

- “Claro que não. Chega aqui.”

Luis saiu do meu mastro e vi Tiago a entesar com a situação. Pôs o pau de fora e chupamo-lo a meias. Despi-lo todo e tomamos banho os 3 juntos sempre a chupar a grande pau do Tiago e a começar a passar-lhe a mão pelo rabo bem devagar até lhe enfiar um dedo. Nada disse e parecia gostar... Fomos para o quarto todos nús e começamos a chupar-nos em triangulo, foi lindo, chupar um e ser chupado por outro. Depois Luis perguntou ao Tiago se o podia comer, ele disse que já que ali estava não via mal em experimentar, o Luis deita-se de barriga para cima coloca uma perna em Tiago e diz-lhe:

-“Anda rebenta-me todo. Vais ver que vais adorar.”

Tiago ficou mudo, gelado, mal o vi naquela situação levantei-me e empurrei-o para cima do Luís. Ele pegou no pau e enfiou-o bruscamente, Luis ficou doido e disse-lhe:

-“Tás burro, queres-me rebentar todo?”

-“Não é essa a intenção!” – exclamou Tiago.

-“È para curtir, enfia devagar mas depois fode-me todo”

Tiago pediu desculpa enquanto que enfiava lentamente no cu do Luis que nem disse mais nada a não ser soltar gemidos e gritos de prazer

-“ Ai que pau tão bom, dá-me mais...” dizia ele. Luís estava-se a revelar uma autentica louca que adora ter um pau no rabo.

De seguida pus-me de quatro e pedi ao Luis que me enfiasse no cu e ao Tiago que o comesse a ele. Rapidamente o Tiago saiu de cima dele, lambeu-me o cu e ficou a ver o Luis comer-me por um bocado e depois enfiou no Luis, foi brutal, soltamos os 3 um gemido de prazer, os dois virados para mim, o Luis e enterrar em mim e o Tiago nele. Depois pedi para trocar, comi o Luis e o Tiago a mim, grande pauzudo, grosso, comeu-me o cu todo, rebentou-me e prazer enquanto que eu metia no cu aberto de Luis que estava louco. Foi uma sensação de enorme prazer ter um caralho daquele porte dentro de mim, sentia o meu cu todo aberto e humido, Tiago fazia de mim o que queria e dizia que me adorava comer. Vimo-nos os três rapidamente, eu fui o primeiro pois já não aguentava mais tanto prazer. Vim-me dentro do Luis uma vez mais e os dois vieram-se na minha boca que ficou cheia de porra.

Deitamo-nos na cama a descansar depois de nos limpar-mos mas entretanto o Tiago fica louco e começa a mamar o meu pau e a beijar o Luis, estava visto que ele queria mais, parecia que também queria experimentar. Viro-me para ele e pergunto se não quer levar também, pois já que nás também tinhamos levado ele também o tinha de fazer, senão não era justo. Depois de muitos nãos lá cedeu, fui o primeiro a estrear o Tiago, deitei-o na cama, lambi-lhe bem o buraquinho enquanto que Luis mamava o meu pau e espetei devagar. De inicio não entrava mas depois de o por ligeiramente de quatro foi fácil, ele gemia de prazer enquanto eu o comia e lhe batia punheta, enquanto isso Luis lambia o meu rabo. Depois saí, Tiago deitou-se em posição de frango e Luis espetou-lha bem fundo, enquanto isso Tiago lambia-me os tomates cu e pau. Depois de alguns minutos assim apoderei-me do lindo cu do Luis e voltamos á sanduiche, foi brutal mais uma vez, Luis foi ao céu, gania e gemia que nem puta, mas estava a adorar, tal como Tiago que sá pedia para não parar.

Depois de nos virmos mais uma vez fomos todos tomar banho juntos e almoçar ao café junto a casa. Lembro-me que sentia o cu todo aberto e que sempre que estavamos sos davamos beijos e apalpanços, sempre ás escondidas. Apartir daí ficamos sempre amigos, sempre que tinhamos aula de educação fisica ficavamos até mais tarde para podermos mamar o pau dos outros no duche, bons tempos no secundário!

Peço desculpa se me emocionei e o conto ficou muito grande, mas este é o relato da minha primeira vez que podem constatar que foi uma loucura. Voltei a repetir mais vezes com os dois mas nunca todos juntos.

Mais tarde conto mais [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


mulher dando pra piazada contos erpticodufa ufa ela senta fode e chupatitio viu minha bucetinha e achou linda contoscontos eroticos.os velhos meterao gostoso em mimcontos eroticos de empresarias no hotelconto erotico com a diretora da escolacontos de sexo com novinhas trepando com advogadosO pirralho do vizinho contosContos eroticos detalhes por detalhes e falas dos autores e personagens eu era uma menina de 18anos o cara do onibus me fudeuconto erótico a negona velhacontos eroticos meu irmao tirou mais vekho tirou meu ca bacinhocontos brincadeira de sabonete na piscinacontoseroticos laura um vida de sonho 2contos eroticos de vizinhos afeminadosdesejos de machos que adora safadeza com outros macho experiências vividasporno homen bebeno gala du trans dotaduvideos de porno aluno esxcitando o professorcontos eroticos sobre voyeur de esposacontos eroticos bebi demais e comi minha tiaconto mamando vizinho casadocontos erpticos de filho bem dotadocasada. sozinha em casa com dogContos eroticos com faxineiracontos eroticos chantageando a menina arroganteempregadinha rose contos eroticosMeu namorado virou corno contos teengai bebendo porra de varios macho no cinema conto eroticoporno com prima e irmaimagemContos eroticos o marido gostoso da primaContoseroticos cavaloencostou a bunda e pediu picaComtos erotico chuponas.de.rola.conto noivo corno na sala porta abertaconto erotico punhetinha na praiaMinha mae me pediu foder eleingenua.contos eroticoscontos eroticos gays viagem de ferias para fazenda com dotadohumilharam meu namorado contosComtos erotico chuponas.de.rola.bundinha cobiçado conto erótico gaysexo conto na baladaconto viúva fogosadei sonifero pra minha avò e transei com elatravesti de microsaia fica de pau duro na ruacontos eroticos gay acordado na noite pelo meu paicontos eróticos sou mais p*** das p**** meu marido sabe dissocontos eroticod minha esposa deeu para o vizinho pausudacontos enrrabandominha irma b3m gostosomininas por cabaço travsyvidianho quis me da e nao resisticonto erotico comi acrentecontos eróticos menino pintinhocontos eroticos mulher carinhosaconto gay moleque do bairro me fodeu depois das bebedeirasempregada ê chantageada e tem que dar para seu patrao o cabacinhoContos eroticos comeu o cu da irmã q estava entalada debaixo da camaconto picante com colegacontos meu marido adora me ver sendo chupada por outra mulherme mesturbei no banheiro e agira?homens velho gay contoshttp://tennis-zelenograd.ru/conto_17305_peguei-meu-cunhado-dando-pra-meu-irmao.htmlconto erotico infancia brincando sem calcinhacontos eroticos de apostei com a minha irma e acabou em tranzaCasadoscontos-flagrei.contos eróticos pra lésbicas miga sapatasexto de roupas sujas contos eroticosFoderam gente contos tennscornoscontoseroticoscontos eroticos engravide minha sogra ea irma delacontos eroticos garoto e mae bundudosContos gay pinto pequenocontos eroticos minha tia era vigemai meu neto rasga a buceta da vovo conto eroticpxvidio gay coroa 82Sou casada mas bebi porro de outra cara contoscontos eroticos negrinha casada ficou bebada na festa mais de treze caraas fizeram suruba com elameu filho me dominou contos incestosdepois do anus e da vagina tem outraentrada pro penis entrar?contos eroticos "coisa enorme"esposa trai o esposo com mulato de 1:90me comeu aindanovinhaconto narceja vadiaContos ela deixou comer o cu delafotos de grandes pirozoesConto erotico viuva carentecontos eroticos sobre voyeur de esposacheiro de mulher conto eroticoFui ajudar a desconhecida e acabei fudendo ela, conto erotico