Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TRIANGULO FAMILIAR - FINAL

Click to this video!

Eu Bruna(17) quero contar o final dessa experiência maravilhosa com minha mãe Helena(45) e irmão Gabriel(25), depois de termos ido dançar e num motel numa incrível noite de sexo em família.

Sabado de manhã, ainda garoava na cidade, fui a primeira a acordar, me desvencilhei dos braços de mamãe que dormiu agarradinha a mim (e Gabriel agarradinho á ela) e fui ao banheiro, tomei banho e quando voltei me deparei com uma cena muito linda. Gabriel deitado de barriga para cima e minha mãe de bruços, com a cabeça em seu ombro e formando um tipo de 4 com as pernas, com a perna direita esticada e a esquerda dobrada sobre as pernas do Gabriel, com sua vulva ainda inchada e peluda á mostra.

Não resisti e passei a acariciar aquela buceta ensopada e quente. Mamãe dormia pesado mas quendo dei por mim, Gabriel estama de olhos abertos observando minha travessura. Trocamos um sorriso e ele apontou para seu cacete adormecido, dizendo para eu coloca-lo na boca.

Obedeci, fui para o lado dele na cama. me ajoelhei e enquanto passeava com os dedos na xana de mamãe comecei a chupá-lo. Mamãe se mexeu e Gabriel aproveitou para mudá-la de posição, tirando-a de cima dela e colocando ao seu lado com a barriga para cima. Incrivel como ela não acordou mas o fato é que ela havia bebido um pouquinho a mais na boate e depois da noitada de transa, estava mesmo cansada, mas seu corpo ainda estava delicioso.

De repente Gabriel pede para que eu pare, se levanta e vai ao banheiro, pedindo que eu continue "brincando" com a mamãe mas tomando cuidado para não acordá-la.

E assim fiz, começei um banho de gato completo naquela morena de pele muito branca, muito peluda e com mamilos pretos, duros, deliciosos que eu comecei a chupar com mais força enquanto afundava meus dedos na buceta. Quando fui até sua boca e arrisquei um beijo ela correspondeu com sua lingua, estava acordada e passando a mão em minha buceta. Nos abraçamos e trocamos um beijo cheio de lingua e desejo, ela me agarrou com força e foi introduzindo o dedo em meu cu enquanto chupava meus peitos, quando eu ouuvi o Gabriel saindo do banheiro e disse a mamãe:-Xiiiii, ele vai ficar bravo que eu te acordei. No que ela de imediato reajiu:-Então faz e conta que eu ainda estou dormindo. E se colocou na posição oiriginal fingindo estar dormindo, sá prá ver o que Gabriel tinha em mente. Eu estava de 4, lambendo os lábios da xana de mamãe, Gabriel chegou por traz, me penetrou e começou a bombar num ritimo bem lento, fazendo minha xana se umidecer aos poucos e seu pau endurecer o suficiente. Comecei a tremer, mamãe se mecheu levemente virando de lado. Gabriel me puxou para o lado dela e começou a meter com mais força mandando eu lamber o cu dela, empurrei mamãe (que esboçava um pequeno sorriso no canto da boca) delicadamente para que ela ficasse de bruços, ela colaborou e já abriu um pouco mais as pernas deixando seu buraco traseiro á disposição. Abri bem sua bunda e comecei á cuspir e lamber em seu buraco preto e gozei, não consegui evitar um gritinho de prazer, mas mamãe se manteve firme no fingimento. Gabriel saiu de dentro de mim, trouxe seu pau á minha boca para que eu acabasse de molha-lo, e cuidadosamente foi montando em mamãe, enfiando seu cacete grosso naquele cuzão experiente. Mamãe se mecheu novamente, se colocando mais por baixo de Gabriel e sem abrir os olhos se erguendo, se apoiando em seus braços e falando baixinho:-Me agarra os peitos gatão, me fode com vontade. Gabriel percebendo a brincadeia não se fez de rogado, se lançou sobre seu corpo agarrando seus peios super duros, chupando seu pescoço e metendo em seu cu com uma vontade incrivel, urrando como um cavalo e sua fêmea.

-Bruna, ordenou mamãe-lambe as bolas e o cu do Gabriel, enfia um dedo no rabo dele, vai dar mais tesão.

E assim fui para a bunda do Gabriel e começei a lamber seu cu peludo chupar as bolas do se saco que balanava muito na trepara em mamãe, dei meu dedo indicador para ela chupar, ela o deixou ensopado de saliva e aos pouquinhos fui introduzindo no cu de meu irmão, que reajiu exatamente como mamãe esperava, seu pau ficou mais duro e ele passou a foder com mais força. -Tira, tira que eu vou gozar porra! Gabriel mandando livar seu buraco. Levantouu mamãe deixando-a de 4, agarrou nos seus cabelos e encheu seu cu de porra. Quando acabou, mamãe me chamou prá junto dela e juntas acabamos de chupar os restos do gozo do Gabriel.

Tomamos banho, café, nos vestimos, nos abraçamos como uma família e fomos para casa. Conversamos muito sobre o acontecido, que ficou como nosso segredo, e até hoje nunca mais se repetiu...até hoje! FIM.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erotico rosadinho troca trocacontos eroticos a bucetinha depilada da minha maecontos eroticos gay negrocontos minha mulher transava e me beijavaprofessora recatada pagando boquete pro colega de servico contostravesti arrombou meu marido contoContos eroticos c imagens v puta de meu sogro e do cunhadoencostou a bunda e pediu picaeu conto sou casado meu cunhado fica passando um pau em mimCONTOS EROTICOS REAIS EM VITORIA ESnetinha safada adora sentar no colo do vovô contos eroticoserotico menininhaconto de meu irmão comeu meu cu com uma grande pica e eu não aguentei de dormetendoo con vpontadi pornoEstouraram meu cuzinho na viagem contosconto erotico cornoMinha esposa deu a xoxota pra um mendingoConto eu peguei meu genro me brechando no banhoTudo q uma puta deve fazer na camaEu contratei uma garota pra ela ser meu presente de casamento eu e ela e meu marido fomos pra lancha conto eroticover contos erótico mãe gordinha concebido gostosa s*****Sexo no aterro do flamengocontos de incetos e orgias entre irmas nudismocontos erotico transai com uma negona vizinhacontos de incestos e orgias com minha cunhada gravida minha irma nudistasConto erótico gay camisa social de sedaconto estrupando o cu da menininha novinhacontos eroticos meu corninhocontos eróticos de irmã e irmão, irma com mega bundaovídeo de pornô com as moletinho as mulatinha pornô vídeos sexoCuviolentadocontos eroticos dei sonifero pra minha irmanamorada deixou cara de pau duro contospinto duro pra tu noivafudedo a tia bombadacontos eroticos com cunhadinhas de dez anosconto erotico de casadacontos no orfanato gaycontos eroticosloucominha filha chantagista contosconto me vingando do namoradocontos eróticos seios devem ser mamadosNA BUNDA CONTOmeu sogro me escravizou contos erotiçoscontos de incestos gays org oline- contos- maduro comendo cu de menino novinhocontos eroticos amigos heteroscasa dos contos meu pai chamou dois amigos dele pra arrombar meu cuzinho virgem dpPutinhas mamando contoseroticoscontos minha esposa me ensinou a ser cornoabusada pelo.louco contosContos eróticos com anal jovem inocente gostei gostoso ela chorouporno chupei o peito e bucheta da minha cunhada ate ela cederdesenho porno dos flinstons cadamento.da pedreitacontos traidoracontos porno papai me deixou arnbadaNinfetas mamando rola no cinema contoseroticosconto soquei a pica na minha enteadinha de dez aninhosgordinha contando suas trepadas c ontoConto erotico depois que gozei ela gostouwww.goroa nis Sogra fudendomeu pai batendo punheta.eu foi fala com ele e ele madou eu bate pra eleconto de desmaiei com a pica grande no cucontos eroticos brincado de se esconder no recreioconto transformado travestipassivosrj sexocontos travesti mulata que me arrombouContos de deu o cu por drogasconto erótico de casada que chegou em casa completamente arrombada e o marido percebeucontos eroticos em audio de envangelicas que gostam de dar o cucontos meu espooso come minha buceta e outro come meu cucoroa 46 anos cabelo curto enroladinho dando a buceta grande